Artigos

6 Mandamentos De Redação Empresarial Para Você Ser Bem-sucedido

O mundo corporativo já está bastante diferente do que era há dois, três anos! O dia a dia empresarial acompanhou detalhe por detalhe do avanço dos veículos de comunicação: computadores, tablets, celulares! Internet, e-mail, comunicação a todo vapor, imediatismos e dinamismo.

Informação é o ponto-chave da saúde de uma empresa. Conhecimento técnico, capacidade organizacional e assessorias também compõem o ambiente corporativo, mas o que seria de todos esses saberes sem a informação? E mais: sem a comunicação?

Bem informar e bem se comunicar tornaram capacidades imprescindíveis para o mundo empresarial. E transmitir mensagens de maneira adequada e pontual é requisito mínimo para um bom posicionamento profissional.

Comunicação empresarial e redação empresarial podem ser entendidas como e-mails, relatórios, cartas de vendas e demais textos empresariais.

E qual a finalidade dessas comunicações? Conseguir resultados, informar e solicitar.

Finalidades que, com certeza, são vitais para o sucesso da empresa!

Segundo Laila Vanetti, especialista em Comunicação Empresarial e diretora da Scritta, “os gerentes e os colaboradores que conseguem se expressar com organização e clareza na sua escrita possuem mais chances de destacarem as suas ideias e conquistarem seus objetivos”.

Para ela, que há mais de 15 anos ministra treinamentos nas maiores empresas do país, não há dúvidas de que “um texto de qualidade convence, informa e gera resultado”.

Laila acredita que a Redação Empresarial é fundamental tanto para os profissionais quanto para a empresa em si. E essa competência pode ser desenvolvida em 6 passos:
1 – Seja sucinto e preciso: você sabia que é possível dizer a mesma coisa usando menos palavras? Pronto! Este é o primeiro passo. E quanto menos palavras, mais impacto a sua mensagem gera! Lembre-se de que simplicidade e objetividade são seus objetivos.

2 – Evite adjetivos: eles sãos os principais responsáveis para que a sua comunicação perca toda a objetividade e, consequentemente, não gere resultados. Além disso, alguns adjetivos intensificam tanto a mensagem que podem gerar impressões erradas no ambiente corporativo. Não inclua impressões pessoais desnecessárias em sua comunicação.

3 – Opte pela objetividade: a mensagem precisa ser ágil. A rapidez nas comunicações é fundamental, afinal “tempo é dinheiro”. Então, elimine expressões como “venho por meio desta”, ou “o objetivo desse e-mail é”. Seja preciso. Use verbos diretos como “encaminhamos”, “comunicamos”, “informamos”, “recebemos” e “declaramos”.

4 – Aplique a Pirâmide Invertida: priorize o mais importante. Reserve o primeiro parágrafo para a informação mais importante. As pessoas não ficam muito tempo para ler a sua mensagem. Portanto, se você deseja resultados, faça de tudo para alcançá-los: coloque no início o que você deseja.

5 – Utilize tópicos: faça listas. Não confunda o seu leitor. Não embaralhe a interpretação com muitas palavras. Evite parágrafos longos. Uma lista de tópicos será mais fácil de ler e causará um impacto inicial maior.

6 – Leia e releia: e releia mais uma vez. E outra. E outra. E mais uma para garantir. Esta é a última coisa que você fará antes de enviar o seu texto, mas a primeira que você deve ter em mente! A sua imagem, a sua autoridade e a sua credibilidade estão em jogo. As suas mensagens precisam ser bem redigidas e revisadas várias vezes para eliminar erros de digitação ou outras inadequações. Seja claro, preciso e exato.

Autora: Laila Vanetti – Especialista em Comunicação Empresarial

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of