Artigos

A Arte De Atrair E Reter Talentos

Buscar profissionais adequados à necessidades da empresa e dentro do perfil desejado, pode parecer uma tarefa simples, porém esse trabalho exige expertise, persistência, habilidade em discernir qual o candidato melhor se encaixa ao perfil da vaga e aquele que tem a probabilidade em se adaptar à política da empresa.
Na verdade o processo seletivo é uma incógnita em muitos casos temos uma excelente impressão do candidato na entrevista, nos testes de qualificação ou nos testes práticos, mais na prática, no dia a dia esse mesmo profissional apresenta um rendimento bem abaixo das expectativas.
Atrair e reter talentos é importante para a sobrevivência da empresa. Mas esse processo não se resolve somente com altos salários e benefícios.
Podemos dizer que o clima organizacional contribui e muito para que o colaborador sinta-se motivado à mostrar cada vez mais o seu potencial. A empresa que tem uma política de RH que visa atrair as melhores pessoas e as mantém, sai na frente das demais, pois a sua rotatividade diminui, ganha-se em produtividade e reduz custos de seleção.
Há empresas que o turnover chega há 8% do quadro funcional, sendo um índice bastante expressivo. A missão de recrutar e selecionar profissionais competentes para fazer parte da organização é desafiadora, porém se torna algo compensador quando se alcança os melhores resultados.
É preciso ter equipes de alta performance e para isso há uma série de fatores que vão desde o recrutamento, clima organizacional, políticas de recursos humanos que incentivem os colaboradores a se sentirem confortáveis e em sintonia com a missão, treinamento, meritocracia, dentre outras ações que podem influenciar de forma positiva para o alto rendimento dos colaboradores.
As grandes empresas passaram a compreender que nem sempre se consegue atrair talentos isoladamente, em muitos casos é necessário buscar parcerias com consultorias em recrutamento e seleção em especial para aquelas áreas sensíveis onde há dificuldade em repor o quadro ou mesmo para cargos de Gestão, Administrativos e Técnicos que requer uma seleção aprimorada, entrevistas por competências, com testes de qualificação, psicológicos, dinâmicas de grupo, dentre outras ferramentas.
Em muitos casos o tempo gasto nesse processo pode ser melhor aproveitado em focar nas questões do negócio, na melhoria da qualidade dos produtos e serviços ou no treinamento do pessoal interno por exemplo.
Esse tipo de parceria costuma ser positiva pois os Consultores em RH na sua grande maioria estiveram do outro lado da mesa, como Gestores de Pessoas em organizações e podem oferecer soluções adequadas às necessidades das empresas, seja no recrutamento, na terceirização de pessoal, nas políticas de treinamento e capacitação, avaliação de desempenho, nos programas de qualidade, motivacionais dentre outras soluções para o Gestor de RH.
É lógico que buscar apoio externo é positivo, mais é preciso fazer o dever de casa, cabe aos Gestores de Pessoas em especial, como responsáveis pela política de RH da empresa em conjunto com a Diretoria traçar metas, implantar sistemas e ferramentas de Gestão para incentivar a formação e manutenção de talentos e o principal desenvolver as pessoas para se ter Recursos cada vez mais Humanos.

Por:

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of