Artigos

Administração De Conflitos

Para aplicar uma boa administração de conflitos e resolvê-los, é indispensável o conhecimento da situação que gera o conflito. A competição entre as pessoas por recursos disponíveis, mais escassos, a divergência entre ambos; ou libertação da pessoa em relação à outra, opiniões diferentes, mudanças externas, direitos não atendidos ou não conquistados, ansiedade, assim como pode ser entendidos como fonte de conflito.

Para que as pessoas se desenvolvam um bom comportamento dentro da organização precisa existir confiança e colaboração, e também a empresa precisa passar aos seus colaboradores confiança defendendo seus interesses, efetivar medidas indispensáveis, sendo em responsabilidades e tarefas, enfim, estabelecendo o que busca e seus colaboradores. Sendo através dessas atitudes que, os funcionários irão compartilhar ideias entre si, buscando juntos ás metas esperada pela empresa. Conflito bem administrado ajuda não só a organização alcançar seus objetivos, como também provoca uma satisfação enorme entre os funcionários, ajudando no seu crescimento profissional e na sua produção contínua satisfazendo assim o objetivo esperado pela da organização.

A comunicação e o relacionamento interpessoal têm grande influência na empresa, na busca de resultados positivos, quanto ao seu sucesso. Os colaboradores devem permitir que o trabalho em equipe ocorra de forma harmoniosa, onde cada dos funcionários respeitem um ao outro, dentro da capacidade de compreensão e de relacionamento entre ambos. Com base nesse conceito, foram apresentadas 5 linhas, relatando qual é a importância da comunicação e do relacionamento interpessoal (levando-se em consideração principalmente, os relacionamentos funcionário e funcionário-administração) para as organizações, tendo como base a sobrevivência da mesma, diante da necessidade da boa comunicação entre todos que fazerem parte do processo organizacional.

Resposta:

A empresa é formada de pessoas, por mais incrível que pareça o relacionamento interpessoal e social é penetrado pela diversidade dos seres humanos com sua característica diferente, sentimentos, desejos e receios.

A valorização facilmente acontece através de reuniões, saber ouvir compartilhando ideias. O administrador para melhorar a relação interna dos indevidos que ali trabalham, precisa saber transmitir, sinalizar a mensagem para que ela seja recebida e entendida claramente pelo receptor, saber elogiar, saber passar um feedback, estimular o desempenho individual e em grupo. E também ser disponível para reduzir pontos fracos expandir os pontos fortes visando o crescimento contínuo da empresa.

Um ambiente se revela no ser humano?
Podemos observar em um shopping o modo que as pessoas se comportam dentro dele, a limpeza, o clima, a decoração, o modo que as pessoas se vestem, isso nos faz agir de maneiras diferente. Não só em um shopping, mas também em outros locais, e não é diferente no ambiente de trabalho, onde também influencia no comportamento das pessoas ali inseridas, influenciando nas relações interpessoais supostamente no resultados da organização em geral.

Segundo CHIAVENATO (2000) o homem se caracteriza por um padrão de comportamento individual, podendo cooperar como pode competir entre eles, Coopera quando seus objetivos individuais somente podem ser adquiridos através do esforço comum coletivo. Disputa quando seus objetivos são pretendidos por outros, (p.128).

Concluindo, cada ser humano tem uma historia de vida diferente, tem opiniões que não coincidem, e assim o trabalho é considerado de sua forma reservada. Algumas pessoas que preferem ouvir, outras não, alguns preferem tornar mais proveitoso o aprendizado contínuo outro nem tanto, por fim, as pessoas possuem objetivos variados e de modo que, às vezes dão prioridade o que é melhor para si próprio. Diante dessa colocação, o funcionário acaba entrando em conflito com a própria organização por ter este pensamento.

Como dizia o BOM SUCESSO (1997), além de constituir responsabilidade da organização, a qualidade de vida de cada um é pessoal, o autoconhecimento é a inovação do papel de cada um nas empresa, do aspecto físico facilitadora, empreendedora, passiva ou ativa, transformadora ou conformista é responsabilidade de todos, (p.47).

BOM SUCESSO, Edna de Paula. Trabalho e qualidade de vida. 1. Ed. Rio de Janeiro: Dunya, 1997, 183p.

CHIAVENATO, Idalberto. Introdução à teoria geral da administração. 6. Ed. São

Paulo: Campus, 2000, 700p.

ROBBINS, Stephen P.? Comportamento Organizacional? São Paulo? Prentice Hall, 2002

ELGENNENI Sara de Melo, PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL, Administração III; Sara de Melo Elgenneni?São Paulo; Pearson Prentice Hall, 2010.

Adm. André Cardoso dos Santos
Bacharel em Administração de Empresas pela Universidade Norte do Paraná-UNOPAR.

Administrador registrado no CRA/MG n° 01-054272/D
Contatos:
admconsultoriaonline@hotmail.com
andrecardososantos@ig.com.br
twitter> @andrecardosoADM
Linkedin:http://www.linkedin.com/pub/andr%C3%A9-cardoso/52/a66/77a

Por: Adm. André Cardoso Santos

Bacharel em Administração de Empresas (Administrador) pela Universidade Norte do Paraná-UNOPAR. Cursando Bacharelado em Ciências Contábeis no Centro Universitário Internacional UNINTER. É também colunista do RHPortal, o maior portal de recursos humanos do país. Profissional registrado no CRA-MG n° 01-054272/D Google+: https://plus.google.com/117430463439726522115/posts

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of