Artigos

Atualização da tabela salarial: uma necessidade

O planejamento da evolução dos salários exige que se tenha uma tabela salarial atualizada periodicamente (se possível, anualmente), visando manter a competitividade da empresa frente ao seu mercado de comparação.

A tabela salarial precisa acompanhar o mercado, porém é importante destacar que este não cresce na mesma proporção da inflação ou dos índices negociados nos acordos e, sim, de acordo com o aquecimento ou desaquecimento de posições ou de segmentos.

A atualização pela inflação ou pelo índice negociado em acordo coletivo pode deixar a tabela salarial com valores maiores ou menores que a realidade do mercado, causando custos excessivos ou perda de competitividade.

Nova call to action

O recomendável é aplicar o percentual do acordo coletivo ao salário do profissional que inicialmente ficará fora de faixa, mas com o próximo aumento individual ou promoção reencontrará a faixa da tabela salarial. Já a tabela salarial deve ser atualizada com a variação real de mercado apurada através de pesquisa salarial confiável.

Aqueles profissionais que estão posicionados no valor máximo ou acima da faixa salarial correspondente ao seu cargo e não podem ser promovidos são considerados sobre pagos, ou seja, são remunerados acima do valor praticado pelo mercado. Já aqueles profissionais posicionados abaixo do valor mínimo da faixa devem ser enquadrados de forma a se posicionarem no início da faixa salarial do respectivo cargo. A avaliação periódica do desempenho dos profissionais contribui muito para a adequada gestão da remuneração.