Artigos

AutoanÁlise Para 2016

Para que possamos ter uma postura ideal, ser exemplos para nossos alunos e um comportamento impactante é sempre bom fazermos uma autoanálise. Identificarmos onde estamos em baixa e como podemos melhorar. Baseando em nosso comportamento em 2015, vamos pontuar de 1 à 5 algumas competências pessoais e técnicas. Dessa forma criarmos estratégias e metas para uma mudança positiva em 2016.
Sua forma física – 1-2-3-4-5
Se abaixo de 3, o que pode fazer amanhã para melhor essa situação?
Cuidar da aparência é um fator primordial para nós artistas marciais.
Sua paciência nas aulas – 1-2-3-4-5
Pode melhorar junto com aqueles alunos desinteressados? Faça-o sentir o amor que você sente pela luta, isso vai ajudar a ele ter mais determinação e automaticamente seu comportamento será melhor.
Sua empatia – 1-2-3-4-5
Se colocar no lugar das pessoas, entender suas dificuldades e limitações, está claro pra você a importância de sentir o que seus alunos sentem?
Sua administração de tempo – 1-2-3-4-5
Tem se organizado bem junto aos seus compromissos? Acha que não tem tempo pra nada?
Uma boa administração de tempo nos traz mais segurança e não coloca em cheque seu profissionalismo. Uma agenda dos compromissos diários, semanais, mensais e semestrais te dará um norte importante.
Sua Alimentação – 1-2-3-4-5
Como um bom exemplo para seus alunos você deve ter uma boa alimentação. Você se considera uma pessoa saudável atualmente?
Uma boa dieta com um acompanhamento profissional fará com que seus alunos e seguidores ajudem obter resultados melhores em suas atividades.
Seu autocontrole – 1-2-3-4-5
Diante situações de stress em seu dia-a-dia, na casa no trabalho ou na rua, tem exercitado sua postura de controle?
Mesmo que a situação seja desagradável o comportamento de um artista marcial é diferenciado, você tem todo o controle da situação.
Sua comunicação – 1-2-3-4-5
Em sua academia, em sua casa, como anda sua comunicação? Suas informações são claras e seguras, te possibilita em atingir seu aluno de forma mais eficaz?
Buscar sempre falar com tom de voz adequado, tem uma expressão clara e gestos de acordo com a mensagem a ser transmitida são fatores importantes para uma boa aula.
Sua retenção de alunos – 1-2-3-4-5
Considera que tem feito um bom trabalho junto aos seus alunos? A resposta está no número de alunos que começou a treinar com você em 2015, ou antes, que ainda frequentam suas aulas. Essa avaliação é muito importante para seu crescimento profissional, pois seu aluno não pode treinar e em poucos meses ir embora, devem ter a fidelidade e comprometimento em seguir suas aulas, se isso não está acontecendo, reflita e vamos mudar de estratégia a fim de termos mais amantes das lutas e artes marciais praticando em nossas turmas.
Tendo assim realizado essa autoanalise, buscando a consciência de que podemos sempre melhor, alcançar a excelência e mantendo nossos alunos sempre em direção aos seus objetivos, vamos começar 2016 com força total.
Boa reflexão Boa Aula
Warner Hammerle

Por: Warner Hammerle

Gestor da metodologia da rede de academias de lutas "Team Nogueira" Mestre de Kick Boxing, formado em profissional e Personal Coaching pela Sociedade Brasileira de Coaching

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of