logo svg rh portal
Pesquisar
Close this search box.
Avaliação 360º: saiba como melhorar a performance do funcionário

Sumário

Home > Artigos > Avaliação de Desempenho > Avaliação 360: desenvolva e cresça sua empresa

Avaliação 360: desenvolva e cresça sua empresa

Conheça a Avaliação 360, uma ferramenta poderosa para o desenvolvimento organizacional. Explore como ela proporciona feedback abrangente, fomentando melhorias e crescimento pessoal e empresarial. Ficou interessado? Então continue lendo o nosso post e entenda mais sobre a avaliação 360º!

O feedback é uma das ferramentas estratégicas mais importantes para uma empresa. É por meio dele que os gestores podem avaliar o desempenho dos colaboradores e também engajá-los e motivá-los em suas tarefas. Existem diversas formas de realizá-lo, mas uma das mais eficientes é a avaliação 360º.

Neste artigo, explicaremos não só como funciona essa avaliação, mas também como ela pode ser aplicada e os seus benefícios para a empresa. Continue a leitura para conferir!

O que é a avaliação 360º?

YouTube video

A avaliação 360º, feedback com múltiplas fontes ou avaliação multivisão, é uma metodologia avaliativa que leva em consideração opiniões de várias fontes sobre um mesmo funcionário.

Ou seja, desde os colegas de setor até os clientes, bem como o próprio colaborador, promovem uma análise sobre o desempenho dele em suas funções, levando em consideração habilidades e competências tanto profissionais quanto pessoais.

Como fazer a avaliação 360º?

Esse modelo de avaliação leva em consideração diversos pontos de um indivíduo, como a capacitação, as atitudes, as habilidades técnicas, os pontos fortes e fracos, bem como o perfil comportamental. Para que o processo aconteça de maneira fluida, o primeiro passo é escolher os respondentes do feedback.

A partir disso, os avaliadores recebem um questionário no qual pontuam os aspectos considerados essenciais para a organização. 

Com isso, é feito um compilado dos resultados, sendo que os colaboradores avaliados terão acesso apenas ao resultado final da avaliação, sem saber quem o avaliou, evitando problemas.

Banner artigo_Curso-Divulgação de vagas e atração de talentos

Como o colaborador também deve se autoavaliar, o gestor faz uma comparação do que foi dito pelos outros e pela própria pessoa. 

O feedback, então, é repassado e o responsável fica encarregado de apontar os aspectos que precisam ser aperfeiçoados, contribuindo, assim, para a melhora no desempenho das funções e para uma maior motivação do funcionário.

Muitas vezes, é nesse momento que também é estabelecido o Plano de Carreira.

Quais são os benefícios da avaliação 360º?

homens analisando um papel impresso

Ao receber uma avaliação 360º, o funcionário precisa estar aberto a refletir sobre as informações apresentadas. Logo, é importante que o gestor utilize esses dados para promover conhecimento e não punir o colaborador. 

Quando a cultura da empresa preza por esses fatores, existem diversos benefícios que podem ser aproveitados. Entre eles podemos destacar:

1. Identificar os pontos a serem melhorados na empresa

O interessante da avaliação 360º é que ela não é útil apenas para quem a recebe, mas também para a empresa como um todo. A partir dos feedbacks de funcionários, gestores e clientes é possível identificar pontos que precisam melhorar na própria estrutura organizacional.

2. Promover o desenvolvimento pessoal e profissional dos colaboradores

Uma das maiores vantagens da avaliação, que pode até ser considerada o principal objetivo de sua aplicação, é a promoção do desenvolvimento pessoal e profissional do colaborador.

Ao destacar os pontos fortes e os que precisam ser aperfeiçoados, o gestor não só ajuda o funcionário a enxergar o que deve mudar, mas também o motiva rumo a uma transformação positiva. Isso ajuda a empresa em diferentes questões, como no aumento da produtividade.

3. Fornecer informações para a tomada de decisões

mesa cheia de papéis com uma calculadora ao lado representando avaliação

Quanto mais estratégicas forem as decisões, melhor para a empresa. Com a ajuda da avaliação 360º é possível obter dados para que o processo flua.

Ou seja, os gestores têm mais propriedade a fim de decidir se a equipe deve seguir por esse ou aquele caminho, pois sabe exatamente quais são as lacunas e em que pontos ela precisa se aperfeiçoar para atingir a alta performance.

A avaliação 360º ainda colabora para o desenvolvimento do autoconhecimento, ajuda na construção de equipes mais alinhadas aos propósitos da empresa, entre outros benefícios. De todas as formas de se promover o feedback, essa é uma das mais eficazes.

Visão multidisciplinar

Como não poderia ser diferente, a grande vantagem de fazer esse tipo de avaliação é que a sua empresa não se prende apenas a um ponto de vista ou não corre o risco de trabalhar com informações limitadas a respeito dos colaboradores.

Muitas vezes, o gestor direto não consegue identificar falhas que são facilmente percebidas pelos pares, por exemplo, mas que impactam diretamente no desempenho do indivíduo. Por isso, uma visão 360º é muito mais completa e proporciona dados extremamente ricos para a análise.

Grande poder de organização

Aplicar a avaliação 360º em toda a empresa cria uma frequência de dados e processos que, quando analisados e armazenados da forma correta, podem ser combinados de diversas formas para detectar padrões consistentes de um colaborador. 

Ou seja, é possível construir um histórico para entender melhor porque determinado indivíduo ou equipe não estão atuando da forma como deveriam e implementar melhorias para aumentar a produtividade.

Quais os objetivos da avaliação 360?

A avaliação 360 graus é uma ferramenta de feedback amplamente reconhecida no mundo corporativo, destinada a fornecer uma visão abrangente do desempenho de um funcionário. 

Este método colaborativo de avaliação incorpora perspectivas de várias fontes, o que o torna único e extremamente valioso.

Principais objetivos da avaliação 360

  • Feedback Multifacetado: Um dos principais objetivos da avaliação 360 é coletar feedback de diferentes stakeholders, incluindo gestores, colegas, subordinados e, às vezes, clientes. Este feedback de múltiplas fontes ajuda a criar um retrato mais completo e equilibrado do desempenho do funcionário.
  • Desenvolvimento Pessoal e Profissional: A avaliação 360 fornece insights detalhados que podem ser usados para o desenvolvimento pessoal e profissional. Os funcionários ganham uma compreensão clara de suas forças e áreas de melhoria, permitindo-lhes focar no desenvolvimento de habilidades específicas.
  • Melhoria da Comunicação: Este tipo de avaliação também promove uma comunicação aberta dentro da empresa. Ao entender como os outros percebem suas contribuições e comportamento, os funcionários podem ajustar suas interações para serem mais eficazes.
  • Fortalecimento de Equipes: A avaliação 360 pode reforçar a dinâmica da equipe, destacando como os membros da equipe contribuem para o sucesso coletivo e onde podem melhorar na colaboração.
  • Alinhamento Estratégico: Ela ajuda a alinhar as expectativas dos funcionários com as metas e objetivos estratégicos da organização. Ao entender o que é valorizado pela empresa, os funcionários podem direcionar seus esforços para atender a essas expectativas.

A avaliação 360º costuma ter uma aceitação muito maior dos colaboradores e, além de gerar informações valiosas para a equipe de RH, incentiva a autoavaliação e a busca do próprio indivíduo pelo seu desenvolvimento, uma vez que ele consegue entender melhor como as outras pessoas o enxergam dentro da empresa.

Quais são os modelos de avaliação 360 graus?

A avaliação 360 graus é uma ferramenta de feedback amplamente adotada que oferece aos funcionários uma visão compreensiva de seu desempenho por meio de avaliações de múltiplas fontes.

YouTube video

Essa abordagem multifacetada é essencial para um desenvolvimento profissional holístico e alinhado com as metas organizacionais.

Existem diferentes modelos de avaliação 360 graus, cada um adaptado a distintas necessidades e contextos organizacionais.

O modelo tradicional de avaliação 360 graus envolve o feedback de colegas de trabalho, gestores, subordinados e, em alguns casos, clientes. 

Os participantes são convidados a avaliar uma série de competências e comportamentos de trabalho relacionados ao avaliado, que normalmente incluem comunicação, trabalho em equipe, liderança e resolução de conflitos.

Modelos Comportamentais

Modelos comportamentais se concentram em comportamentos específicos que são essenciais para o sucesso do papel de um indivíduo dentro da empresa.

Por exemplo, um modelo comportamental para um líder de equipe pode incluir avaliação de capacidade de delegação, comunicação clara e capacidade de inspirar e motivar a equipe.

Modelos por Competências

Estes modelos estão centrados em competências chave que são importantes para a empresa e para o cargo específico. Eles podem incluir competências técnicas e interpessoais.

O modelo de competências é frequentemente personalizado para se alinhar com os valores e a estratégia da organização.

fotos de homens de crachá preenchendo uma planilha

Modelos Híbridos

Os modelos híbridos combinam elementos dos modelos tradicionais, comportamentais e de competências, proporcionando uma avaliação mais robusta. Eles podem ser personalizados para incluir feedback sobre o desempenho geral, bem como sobre competências e comportamentos específicos.

Modelos Baseados em Objetivos

Alguns modelos de avaliação 360 graus são projetados em torno do cumprimento de objetivos específicos. Eles avaliam como um indivíduo se aproxima e alcança metas definidas, seja em nível de projeto, departamento ou organização.

Exemplos de Modelos de Avaliação 360 Graus

  1. Modelo Genérico: Utilizado para avaliar funcionários em diversos níveis e funções dentro da empresa. Ele inclui uma gama de competências genéricas que são relevantes para todos os funcionários.
  2. Modelo de Liderança: Focado em avaliar as competências de liderança, como tomada de decisão, visão estratégica e influência.
  3. Modelo de Vendas: Avalia competências cruciais para o desempenho de equipes de vendas, como persuasão, construção de relacionamento com o cliente e negociação.
  4. Modelo de Atendimento ao Cliente: Destinado a funcionários que interagem diretamente com clientes, focando em paciência, clareza de comunicação e capacidade de resolver problemas.

Ao implementar um modelo de avaliação 360 graus, é vital escolher ou adaptar o sistema para que se alinhe com as metas específicas da organização e as necessidades de desenvolvimento dos funcionários.

Os benefícios são claros: o feedback proveniente de várias fontes promove um entendimento mais profundo do desempenho, fomenta o diálogo aberto e construtivo e estimula um ambiente de trabalho baseado no respeito mútuo e no comprometimento com a excelência. 

Além disso, os dados obtidos por meio dessas avaliações são inestimáveis para o planejamento estratégico de RH e para a construção de um caminho de desenvolvimento eficaz para cada membro da equipe.

Conclusão

Com o avanço contínuo das ferramentas de RH e tecnologias de análise de dados, os modelos de avaliação 360 graus continuarão a evoluir, proporcionando insights ainda mais precisos e valiosos. 

As organizações que adotam e refinam esses sistemas estão melhor posicionadas para desenvolver líderes eficazes, equipes de alto desempenho e uma cultura corporativa que valoriza e apoia o desenvolvimento contínuo.

Portanto, as empresas que buscam uma vantagem competitiva devem considerar a avaliação 360 graus não apenas como uma ferramenta de avaliação, mas como um catalisador para transformação e crescimento sustentado.

Assine a nossa Newsletter