logo svg rh portal
Pesquisar
Close this search box.
Como calcular turnover: Veja a forma atualizada

Sumário

Home > Artigos > Como calcular turnover: Veja a forma atualizada

Como calcular turnover: Veja a forma atualizada

Você já ouviu falar sobre o termo "turnover"? Você sabe o que significa e como pode afetar a sua empresa? Vamos conferir!

O turnover, ou rotatividade de pessoal, é um indicador crucial para a saúde organizacional de uma empresa. Compreender como calcular o turnover pode ser a chave para o sucesso empresarial a longo prazo. 

Neste artigo, você aprenderá não só a calcular o turnover de maneira atualizada, mas também entenderá o seu significado, os tipos existentes, as causas e como evitar que ele afete negativamente o seu negócio.

O que é o turnover de uma empresa?

YouTube video

Turnover é uma métrica que mede a taxa na qual os empregados deixam uma organização e são substituídos por novos colaboradores. Um turnover elevado pode indicar insatisfação no trabalho, problemas de gestão ou um mercado de trabalho competitivo. 

Por outro lado, um turnover muito baixo também pode ser um sinal de estagnação e falta de inovação. Encontrar um equilíbrio é essencial para manter uma equipe motivada e produtiva.

Quais são os tipos de turnover? 

Como calcular turnover; Veja a forma atualizada

Vamos desvendar os dois principais tipos de turnover e entender como cada um pode afetar a sua organização.

1. Rotatividade Voluntária

A rotatividade voluntária é caracterizada pela decisão do funcionário de se desligar da empresa.

Diversos fatores podem influenciar essa escolha, como a busca por melhores oportunidades de carreira, o desejo de enfrentar novos desafios profissionais ou até mesmo a insatisfação com o clima organizacional.

Quando um talento opta por seguir outro caminho, é crucial que a empresa reflita sobre as razões por trás dessa decisão. Será que estão sendo oferecidas condições adequadas para o crescimento profissional?

O ambiente de trabalho é motivador e acolhedor? Essas perguntas podem levar a insights valiosos para reter talentos no futuro.

2. Rotatividade Involuntária

Por outro lado, temos a rotatividade involuntária, que ocorre quando a empresa toma a iniciativa de encerrar o vínculo com o empregado.

Esse tipo de turnover pode ser resultado de uma série de fatores, como a necessidade de cortar custos, a reorganização interna ou questões ligadas ao desempenho do funcionário.

A rotatividade involuntária é muitas vezes uma medida difícil, mas necessária para a saúde financeira e estratégica da organização.

Contudo, é fundamental que seja conduzida com respeito e transparência, para minimizar o impacto negativo tanto para o indivíduo quanto para o moral da equipe remanescente.

Como calcular o turnover? 

Como calcular turnover; Veja a forma atualizada

O cálculo do turnover é relativamente simples e pode ser feito seguindo estes passos:

  1. Defina o Período de Tempo: Escolha o período para o qual você deseja calcular o turnover. Isso pode ser mensal, trimestral ou anual.
  1. Contabilize as Admissões e Demissões: Registre o número total de admissões e demissões que ocorreram durante esse período.
  1. Calcule o Número Médio de Funcionários: Some o número de funcionários no início do período com o número de funcionários no final do período e divida por dois para obter a média.
  1. Aplique a Fórmula do Turnover: Use a fórmula a seguir para calcular a taxa de turnover:

Por exemplo, se uma empresa começou o ano com 100 funcionários e terminou com 110, e durante esse ano houve 15 demissões, o cálculo seria:

Número médio de funcionários = (100 + 110) / 2 = 105

Taxa de Turnover = (15 / 105) × 100 = aproximadamente 14,29%

Isso significa que a empresa teve uma taxa de turnover anual de aproximadamente 14,29%.

Interpretação dos Resultados após calcular rotatividade de pessoal

Uma vez calculado o turnover, é importante interpretar os resultados corretamente. Uma taxa de turnover considerada “saudável” pode variar bastante dependendo da indústria e da região. 

No entanto, qualquer taxa que seja significativamente mais alta do que a média do setor pode ser um sinal alarmante e deve ser investigada mais a fundo.

Ações Após Calcular o Turnover

Depois de aprender a como calcular o turnover, a empresa deve tomar medidas para entender as causas subjacentes à rotatividade. Isso pode envolver pesquisas de saída com funcionários que estão deixando a empresa, avaliações de clima organizacional ou revisão das políticas de RH.

Se o turnover está alto, é hora de implementar estratégias para retenção de talentos, como melhorar as condições de trabalho, oferecer benefícios competitivos ou investir em programas de desenvolvimento profissional.

O que provoca o turnover? 

Como calcular turnover; Veja a forma atualizada

Compreender os elementos que levam a esse cenário de rotatividade de pessoal é o primeiro passo para estabelecer mecanismos efetivos de retenção de talentos.

Vamos explorar os principais motivos que impulsionam o turnover e como eles podem ser abordados.

1. Descontentamento com Remuneração e Benefícios

Uma das principais razões para a saída de funcionários é o descontentamento com a remuneração e os benefícios oferecidos.

Quando o pacote de compensações está abaixo das expectativas ou do mercado, os colaboradores tendem a buscar alternativas mais atrativas.

Oferecer um salário justo e um plano de benefícios competitivo é essencial para manter a equipe motivada e comprometida.

2. Escassez de Perspectivas de Avanço

A falta de perspectivas de avanço na carreira pode desmotivar os profissionais que almejam crescimento e desenvolvimento dentro da empresa. 

Investir em planos de carreira, programas de mentoria e capacitação constante são ações valiosas para que os colaboradores enxerguem um futuro promissor na organização.

3. Relações Interpessoais Difíceis

Um ambiente de trabalho onde as relações interpessoais são conflituosas ou onde há uma má gestão por parte dos líderes pode levar a um aumento significativo na taxa de turnover. 

É fundamental promover uma cultura de respeito mútuo, comunicação eficaz e liderança inspiradora para manter um ambiente saudável e produtivo.

4. Ambiente de Trabalho Inadequado

Condições de trabalho precárias ou um ambiente que não proporciona os recursos necessários para a execução das tarefas são fatores que podem desencadear a saída dos funcionários. 

As empresas devem assegurar que todos os colaboradores tenham acesso a um local de trabalho seguro, confortável e equipado adequadamente.

5. Descompasso Cultural

O desalinhamento entre os valores do colaborador e os da empresa pode gerar insatisfação e desengajamento.

É crucial que haja uma sinergia entre a missão, visão e valores da organização e os de seus funcionários, criando assim um senso de pertencimento e alinhamento cultural.

6. Excesso de Carga de Trabalho

O estresse e a sobrecarga de trabalho são aspectos que afetam negativamente o bem-estar dos colaboradores, podendo levar ao esgotamento profissional. 

Equilibrar as demandas de trabalho com períodos adequados de descanso e reconhecimento pelo esforço despendido são práticas importantes para evitar a exaustão da equipe.

Como evitar o turnover na empresa?

Como calcular turnover; Veja a forma atualizada

Criar um ambiente de trabalho acolhedor e propício ao desenvolvimento profissional é essencial. A seguir, apresentamos algumas táticas fundamentais para manter seus talentos por perto e assegurar o crescimento contínuo do seu negócio.

1. Escute o que Sua Equipe Tem a Dizer

Um dos primeiros passos para um ambiente de trabalho saudável é saber o que seus colaboradores pensam.

Realize enquetes de contentamento regularmente e mais importante, aja baseado no feedback recebido. Isso demonstra que a opinião deles é valorizada e que a empresa está comprometida com melhorias contínuas.

2. Seja Competitivo no Pacote de Remuneração

Ofereça salários justos e benefícios atrativos. Isso não só ajuda a atrair talentos de alto nível como também é um fator chave para reter os colaboradores atuais.

Um pacote de remuneração competitivo é um sinal claro de que a empresa reconhece e valoriza o trabalho duro de sua equipe.

3. Aposte no Crescimento Profissional

Investir em programas de capacitação e desenvolvimento de carreira é uma maneira eficaz de mostrar aos funcionários que eles têm um futuro promissor dentro da organização.

Isso pode incluir treinamentos específicos, workshops ou até mesmo subsídios para educação continuada.

4. Cultive um Ambiente Organizacional Positivo

Um clima organizacional harmonioso e positivo é essencial para manter os funcionários motivados e engajados.

Promova atividades de team building, celebre as conquistas em equipe e crie um espaço de trabalho onde o respeito mútuo seja a base das interações diárias.

5. Comunique-se com Clareza e Eficiência

A comunicação clara e transparente entre gestores e colaboradores é vital para o sucesso de qualquer empresa.

Estabeleça canais de comunicação eficientes que permitam o diálogo aberto e a troca de ideias. Isso ajuda a criar um sentimento de inclusão e confiança dentro da equipe.

6. Valorize e Recompense Boas Atuações

Não há nada mais motivador do que sentir que seu trabalho duro é reconhecido. Implemente sistemas de recompensa para aqueles que se destacam, seja através de bônus, promoções ou simplesmente elogios públicos. Reconhecimento é uma ferramenta poderosa para incentivar o desempenho excepcional.

Conclusão

O cálculo do turnover é uma ferramenta valiosa para entender a dinâmica da força de trabalho em uma organização. 

Ao identificar as razões por trás do turnover e implementar estratégias efetivas para combatê-lo, as empresas podem melhorar significativamente seu ambiente de trabalho e sua performance no mercado. 

Lembre-se: colaboradores satisfeitos são a chave para o sucesso empresarial. Mantenha-se atualizado sobre as melhores práticas e nunca subestime o poder de um ambiente de trabalho saudável e motivador

Assine a nossa Newsletter