Artigos

Como engajar colaboradores remotos

engajar colaboradores remotos

O engajamento é essencial para todos os tipos de colaboradores e isso se reflete da mesma maneira sobre os que prestam serviços remotos, ou seja, à distância, por meio da adoção do sistema home office.

Afinal, quando um colaborador está engajado ele passa a se ver como parte da empresa. Sua produtividade tem ganhos positivos e o próprio clima organizacional é melhorado.

Nova call to action

Além disso, separamos algumas ideias que realmente alcançam sucesso nas ações para engajar colaboradores remotos. Cada uma delas é importante e deve ser considerada pela empresa. Confira!

1. Conceda um kit home office

Para que os colaboradores em serviço remoto permaneçam prestando serviços com qualidade é necessário que desde logo eles tenham à disposição ferramentas de trabalho que os auxiliem nisso.

Assim, deve-se considerar as diferentes realidades entre os colaboradores. Isso influencia em mudanças em relação aos materiais como uma bisnaga de plástico, por exemplo, que se tem em casa, bem como computador que suporte os programas utilizados, internet de qualidade, espaço e conforto para trabalhar.

Pode até ser que alguns deles disponibilizam um escritório próprio em seus lares. É preciso considerar que isso não será a regra e sim a exceção.

Isso demonstra que ao estipular o home office é importante que a empresa considere todos esses pormenores que influenciam na prestação de atividades. Dentre as ferramentas que devem ser consideradas estão:

  • Cadeira ergonômica;
  • Kit escritório (papéis, impressoras portáteis caso necessário, canetas, blocos de anotações);
  • Computador;
  • Auxílio para manutenção das contas de luz e internet, que auxiliam a cobrir as maiores despesas relacionadas.

2. Mantenha o controle de jornada

Outro ponto crucial para engajar colaboradores remotos é manter o controle de jornada sobre eles. A lei estipula que não há necessidade de controle de ponto no home office e isso deve ser visto com cuidado.

Embora muitas empresas alteraram a condição dos colaboradores que prestavam trabalho presencial para o home office, até mesmo prestadores de serviços em manutenção de geradores, por exemplo. A suspensão do controle de jornada nesse cenário pode indicar uma alteração lesiva contratual.

Dessa forma, deve ser considerado que a lei dispensaria o controle desses empregados. Ela não proíbe que isso seja feito. Adotar um sistema digital é perfeito para os colaboradores remotos, tendo em vista que permite que haja a marcação à distância pelo uso de aplicativo ou sistema no computador do colaborador.

Com o controle dessa jornada não são apenas as horas extras que são mantidas e a garantia de que a jornada diária será cumprida. A empresa ao mesmo tempo consegue demonstrar para o funcionário que ele ainda está sendo observado.

Isso pode ser visto de diversas formas e a maioria delas é positiva. Um dos pontos relevantes é que o poder diretivo é colocado em prática. Outro corresponde à segurança que o colaborador tem e que demonstra que ele é importante para a empresa.

Não se pode deixar de falar de outro ponto relevante que corresponde à garantia de que ele está cumprindo horários de almoço e as limitações de jornada e que terá direito ao recebimento de horas extras.

3. Estipule metas

Estipular metas é importante para engajar colaboradores remotos. A produtividade aumenta na medida em que o membro da empresa busca alcançá-las em troca de vantagens que podem ser financeiras ou em formato de presentes.

Afinal, é crucial que a empresa analise quais os tipos de metas foram colocadas em prática até então e se elas podem ser continuadas no home office.

Nesses casos é possível fazer adaptação que permita que os colaboradores tenham chances de alcançá-las mesmo com a alteração do formato de prestação de serviços, como um material específico para a venda de uma batedeira industrial, por exemplo. 

4. Adote políticas de feedback

O último ponto relevante que separamos sobre a possibilidade de engajar colaboradores remotos é adotar ou dar continuidade às políticas de feedback.

Atualmente são diversas as ferramentas disponibilizadas para manutenção de contato à distância em tempo real. Não deixe de estabelecer uma periodicidade para esses feedbacks.

Dessa forma, eles podem ser acompanhados de dados de avaliações pelos gestores e dos colaboradores em relação à própria empresa. Outros documentos que auxiliam são a análise dos cartões ponto e do alcance de metas.

A empresa pode realizar vídeo chamadas individuais e promover o diálogo com o colaborador. É importante que haja a avaliação do gestor em relação ao colaborador e deste em relação à empresa. Essa dualidade é imprescindível.

A partir disso o colaborador entende em quais pontos está acertando, em quais pode melhorar e como tornar seus serviços mais atrativos à empresa. Já a organização empresarial pode entender como é vista pelos colaboradores e melhorar sua estrutura em relação a eles.

Gostou do nosso conteúdo sobre como engajar colaboradores remotos? Compartilhe!

Este artigo foi escrito pela equipe do Soluções Industriais.

0 0 votes
Article Rating

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments