Artigos

Equilibrando a cultura de resultados nas organizações

cultura de resultados

A cultura de resultados é uma característica essencial para buscar a excelência na gestão produtiva de uma empresa. 

Quando todos os membros de uma equipe estão focados em alcançar os mesmos objetivos, é muito mais fácil motivá-los para as pequenas atividades do dia a dia, fazendo-os enxergar valor nessas conquistas. Times de alto impacto têm como uma de suas marcas esse comportamento.

Nova call to action

Nesse texto, abordaremos o que é a cultura de resultados e três princípios para equilibrá-la nas organizações. Continue a leitura e confira!

O que é cultura de resultados?

Primeiramente, esse termo representa um conjunto de ações e valores que são absorvidos por toda uma equipe de trabalho, por estarem sempre focadas e trabalhando em cima da mensuração de resultados.

Grandes organizações que são referência no mercado atualmente têm em suas equipes a cultura de resultados já bem implementada e consolidada. Entretanto, esse processo de implementação da cultura de resultados em uma empresa não se desenvolve de maneira simples.

É preciso adaptar características de forma que se encaixem de maneira ideal em cada organização. Ao forçar passos e ações que não assemelham-se com o perfil de uma empresa, como um trabalho de demolição controlada, por exemplo, a tendência é que não haja impacto, ou até que os resultados sejam afetados negativamente.

Líderes precisam saber a maneira certa de concretizar essa cultura organizacional em sua realidade. É notável o valor agregado resultante de uma cultura de resultados bem aplicada no desempenho de organizações. Dessa forma, como desenvolver uma cultura de resultados em uma empresa? Veja a seguir!

Três princípios essenciais para a cultura de resultados

I – Comprometimento

A princípio, disciplina, organização e rotina, são pilares fundamentais para todos os membros de uma equipe comprometida com seus resultados. É importante que cada área da empresa tenha metas individuais que estejam completamente alinhadas com os objetivos da empresa. Isso faz com que todos estejam comprometidos em buscar o mesmo resultado final. 

Desse modo,o líder deve traçar para sua equipe metas alcançáveis, e precisa que sua equipe entenda isso como um sonho individual. É preciso que todos tenham ambição em alcançar esse sonho. Esse comportamento faz com que as pessoas tentem se desenvolver sempre, tornando “alta a barra” da empresa. 

Todavia, outro fator que pode auxiliar no desempenho da equipe é deixar as metas individuais disponíveis para toda empresa visualizar. Isso deixa toda equipe de usinagem de precisão, por exemplo, alinhada quanto à evolução dos resultados, e ressalta a transparência da organização, o que é o segundo princípio a ser alcançado. 

II – Transparência

Em síntese, para manter sua equipe engajada e focada em suas metas e resultados é preciso que eles estejam alinhados com tudo que ocorre dentro da empresa. Saber somente as atividades da própria área não é o suficiente. 

É essencial que a equipe de projetos saiba quais são as maiores dificuldades e conquistas da área comercial, e vice-versa. Isso possibilita que haja conexão entre toda empresa. Todos devem saber a missão, visão e valores da empresa. 

Mais do que isso, as ações de cada um devem refletir essa identidade da organização. Deve ser algo intrínseco ao comportamento das pessoas, ocorrendo de maneira natural e involuntária, como uma ação de descarte de lixo eletrônico, por exemplo. 

Portanto, o alicerce para proporcionar essa transparência e alinhar toda equipe quanto a cultura da empresa é deixar extremamente claro o que são as coisas, o que está correndo e o que deve ser feito. A certeza é uma premissa, ninguém pode ter “quase certeza” de nada. 

Diversos tipos de metodologias podem ser utilizadas para otimizar a transparência de uma empresa. Desde dashboards, plataformas ou até mesmo uma planilha no Google Sheets. Muitas delas nem possuem custo e são de fácil compreensão.

III – Objetividade

Por fim, o último princípio essencial para aplicar uma cultura de resultados na empresa é a objetividade. Baseie-se em dados concretos. Por mais que seja importante confiar nos próprios extintos e experiência, nunca deve-se levar somente isso em consideração, deixando indicadores de lado.

Ademais, é importante fazer o histórico desses indicadores, de forma a compará-los com outros anos e utilizá-los para tomar planos de ação mais assertivos. Decisões tomadas sem que haja uma análise crítica dos dados tendem a não obter o resultado esperado. 

E essa análise deve ser feita de maneira clara e eficiente. Se houver alguma chance de erro, refaça seu planejamento. Evite dar tiros no escuro. Analogamente, outro ponto fundamental é a priorização estratégica de suas atividades. 

Faça o que é de extrema importância e urgente. Portanto, planeje-se para o que é importante, mas não urgente. Delegue o que não é importante, mas é urgente e descarte o que não é importante nem urgente.

Este artigo foi escrito pela equipe do Soluções Industriais.

0 0 votes
Article Rating

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments