logo svg rh portal
Pesquisar
Close this search box.
Início > Carreira e Negócios > Divulgação de vagas TI: como otimizar e atrair talentos

Sumário

Divulgação de vagas TI: como otimizar e atrair talentos

Quem já atua como tech recruiter e faz divulgação de vagas TI, sabe que é um grande desafio receber currículos e candidaturas qualificadas.

A questão que as empresas e recrutadores de TI gostariam de saber: como tornar a divulgação de vagas atrativa e atrair talentos.

Como divulgar uma vaga de TI?

Antes de tudo, é importante destacar que os profissionais de TI não estão nos mesmos lugares que os profissionais de outras áreas.

Divulgar uma vaga de TI de forma eficaz é fundamental para atrair candidatos qualificados e encontrar o profissional certo para a posição. Aqui estão algumas etapas importantes para divulgar uma vaga de TI de maneira eficaz:

  1. Descrição clara da vaga:

Comece criando uma descrição de cargos detalhada e precisa. Isso inclui responsabilidades, requisitos de habilidades, experiência necessária e qualificações desejadas. Quanto mais claro for o anúncio, melhor será a correspondência dos candidatos.

  1. Escolha dos canais de divulgação:

Determine os canais de divulgação mais apropriados para sua vaga. Isso pode incluir seu site de carreiras, redes sociais da empresa, sites de empregos especializados em TI, fóruns de tecnologia e grupos de mídia social relevantes.

  1. Crie um anúncio atrativo:

Elabore um anúncio atraente que destaque os aspectos mais interessantes da vaga e da empresa. Explique por que sua empresa é um ótimo lugar para trabalhar e o que torna a posição única.

planejamento de carreira
  1. Use palavras-chave relevantes:

Utilize palavras-chave relacionadas à área de TI em seu anúncio. Isso ajudará a aumentar a visibilidade nos mecanismos de busca e atrair candidatos que estejam procurando vagas nesse campo.

  1. Divulgação interna:

Antes de buscar candidatos externos, considere divulgar a vaga internamente. Muitas vezes, os funcionários atuais podem conhecer pessoas qualificadas para a posição ou até mesmo estar interessados nela.

  1. Parcerias com instituições de ensino:

Estabeleça parcerias com instituições de ensino, como universidades ou escolas de tecnologia, para alcançar estudantes e recém-formados em busca de oportunidades de trabalho em TI.

  1. Redes de contatos profissionais:

Use sua rede de contatos profissionais para divulgar a vaga. Muitas vezes, referências de colegas e amigos podem levar a ótimos candidatos.

  1. Avaliação e triagem cuidadosa:

Ao receber candidaturas, certifique-se de avaliar cuidadosamente cada currículo e realizar entrevistas para determinar a adequação dos candidatos à vaga.

  1. Ofereça um processo transparente:

Mantenha os candidatos informados sobre o andamento do processo seletivo e forneça feedback construtivo. Isso ajuda a criar uma imagem positiva da empresa.

  1. Promova a cultura da empresa:

Mostre aos candidatos em potencial a cultura da empresa e os benefícios de trabalhar nela. Isso pode ser feito por meio de vídeos, depoimentos de funcionários ou visitas virtuais.

Onde anunciar vagas TI?

O portal de vagas da Sólides possui mais de 30 mil acessos e oferece uma experiência única tanto para o recrutador quanto para o candidato. 

É importante escolher a melhor forma para fazer a divulgação e criar uma boa descrição, para que fique atrativa para os talentos se candidatarem.

Há diversas formas de divulgar, desde a mais tradicional até inovar através de GIFs, memes e vídeos engraçados, por exemplo. Isso fica ao critério da pessoa recrutadora e empresa, pois ao divulgar a vaga, é fundamental analisar qual o tipo de perfil que a empresa deseja atrair, que esteja de acordo com a cultura organizacional.

Algumas opções de forma de divulgação:

  • Texto tradicional em formato de post
  • Texto + imagem
  • Texto + GIF
  • Imagem com as informações
  • Texto + Vídeo
  • Vídeo
  • Texto + Link direto
  • Somente o link direto

Não perca a oportunidade de impulsionar sua carreira no recrutamento de tecnologia! 

Inscreva-se agora no curso gratuito da Escola de Pessoas Tech Recruiter e adquira as habilidades necessárias para se destacar nesse campo em constante evolução.

Inscreva-se agora mesmo no curso gratuito da Escola de Pessoas Tech Recruiter e dê o próximo passo em direção ao sucesso!

Como estruturar a sua descrição para a divulgação de vagas TI?

Mão tocando em ícones digitais flutuantes representando conexão e oportunidades em Vagas TI

Vejo várias publicações de vagas com poucas informações, ou apenas com informações dos requisitos, ou ainda só com um link direto que não diz muita coisa.

Os exemplos citados acima, dificultam o despertar do interesse das pessoas candidatas.

Para fazer uma descrição atrativa, comece destacando no título da vaga: a nomenclatura do cargo, senioridade, stack principal e o local de trabalho.

Por exemplo: Pessoa desenvolvedora Sênior – Java – 100% remoto

Depois do título, fale os detalhes relevantes sobre a empresa, oportunidade, projeto, expectativas e necessidades.

Lembre sempre de citar os benefícios financeiros e intangíveis. Muitas vezes podemos pensar que algum benefício não é interessante, mas os detalhes fazem toda a diferença.

Por exemplo, uma vez eu consegui um excelente candidato para uma vaga super difícil porque a empresa oferecia assistência médica e arcava com os custos de forma integral, tanto para titular, quanto para os dependentes.

Isso chamou muito a atenção dele, que possuía três pessoas dependentes e na empresa atual sofreram o desconto integral em folha de pagamento.

A faixa salarial é uma discussão infinita entre empresas, recrutadores e candidatos, pois os candidatos querem saber a faixa salarial, enquanto as empresas querem saber a pretensão salarial. 

Enfim, cada empresa sabe se pode divulgar ou não a faixa salarial, mas com certeza se a sua vaga tiver essa informação, aumentará as chances de perfis qualificados se candidatarem.

Depois de destacar as informações relevantes sobre a vaga e benefícios, liste os principais requisitos. É importante focar no que realmente é necessário, evitando uma lista de infinitos requisitos. Separe também por: obrigatórios, desejáveis e diferenciais.

Por último, mas não menos importante, informe qual é a forma de se candidatar à vaga. 

Quanto mais simples, melhor. Pode ser enviar o currículo por e-mail, por candidatura simplificada no LinkedIn, ou mandar uma mensagem direta para quem divulgou a vaga.

Quanto mais fácil for a forma de se candidatar, melhor.

Como está o mercado de trabalho para os profissionais de TI?

O mercado de trabalho para profissionais de Tecnologia da Informação (TI) continua robusto e em constante crescimento em muitas partes do mundo, mesmo considerando as flutuações econômicas e eventos globais, como a pandemia de COVID-19. 

Existem várias tendências e fatores que impactam a demanda por profissionais de TI e suas perspectivas de emprego:

1. Crescimento contínuo da tecnologia: A tecnologia está em constante evolução, e as empresas estão cada vez mais dependentes da TI para operar eficientemente e inovar. Isso resulta em uma demanda constante por especialistas em TI.

2. Transformação digital: Empresas de todos os setores estão investindo em projetos de transformação digital para melhorar a eficiência, aprimorar a experiência do cliente e manter a competitividade. Isso requer profissionais de TI para implementar e gerenciar essas iniciativas.

3. Segurança cibernética: Com o aumento das ameaças cibernéticas, a segurança da informação tornou-se uma prioridade crítica para as organizações. Profissionais de segurança cibernética estão em alta demanda para proteger sistemas e dados.

4. Inteligência Artificial (IA) e Aprendizado de Máquina (ML): A IA e o ML estão sendo aplicados em várias indústrias para análise de dados avançada, automação e tomada de decisões. Profissionais que dominam essas habilidades estão em grande demanda.

5. Computação em nuvem: A migração para a nuvem continua, e profissionais com experiência em serviços de nuvem, como AWS, Azure e Google Cloud, são altamente procurados para ajudar as empresas a aproveitar os benefícios da computação em nuvem.

6. Trabalho remoto: A pandemia acelerou a aceitação do trabalho remoto, o que ampliou o alcance geográfico das oportunidades de emprego em TI. Isso significa que os profissionais de TI têm acesso a uma gama mais ampla de empregadores e projetos.

7. Falta de mão de obra qualificada: A demanda por profissionais de TI qualificados supera a oferta em muitos lugares, levando a salários competitivos e oportunidades de crescimento na carreira.

8. Educação e desenvolvimento contínuo: A TI é um campo em constante mudança, e os profissionais precisam se manter atualizados com as últimas tecnologias e tendências. Isso cria oportunidades para cursos de educação continuada e certificações.

No entanto, vale ressaltar que a natureza da TI é altamente dinâmica e pode variar de acordo com a região geográfica e a especialização. 

Além disso, embora o mercado de TI seja promissor, os profissionais também enfrentam desafios, como a pressão por atualização constante e a necessidade de equilibrar a demanda por habilidades técnicas com habilidades interpessoais.

Qual a área de TI que mais emprega?

Candidata sendo entrevistada por quatro profissionais para Vagas TI mercado em um escritório iluminado

Na área de Tecnologia da Informação (TI), diversas especializações estão em alta demanda, oferecendo diversas oportunidades de emprego. Entre as áreas que mais empregam, destaca-se o desenvolvimento de software e web, crucial para empresas que buscam soluções digitais e presença online. 

A informação também se sobressai, devido ao aumento significativo de ataques de segurança cibernéticos, tornando os especialistas em segurança altamente procurados. Além disso, a análise de dados e big data ganha espaço, com a necessidade crescente das empresas em interpretar e utilizar grandes volumes de dados.

Como conseguir trabalho na área de TI?

Para conseguir trabalhar na área de TI, é essencial investir em educação e certificações relevantes, além de desenvolver habilidades práticas através de codificação, design de sistemas, entre outras. 

Criar um portfólio com projetos pessoais ou contribuições em projetos open-source pode demonstrar suas habilidades de forma eficaz. Também é importante realizar networking, mantendo um perfil atualizado no LinkedIn para estabelecer conexões profissionais valiosas.

Qual a melhor área de TI 2023?

Quanto às melhores áreas de TI em 2023, a inteligência artificial e o aprendizado de máquina continuarão sendo promissores, com aplicações variadas em diferentes setores. 

A computação em nuvem também está em ascensão, com uma demanda crescente por profissionais capacitados em gerenciamento e desenvolvimento de soluções baseadas na nuvem. 

Além disso, o desenvolvimento de aplicativos móveis se mantém como uma área de demanda constante devido ao uso contínuo de smartphones.

Qual a melhor área de TI para iniciantes?

Para iniciantes, o desenvolvimento front-end é uma opção acessível, com muitos recursos de aprendizado disponíveis. Outra área de entrada é o suporte técnico e help desk, que oferece uma base sólida em tecnologia e solução de problemas. 

A administração de sistemas também é uma boa opção, proporcionando um entendimento abrangente do funcionamento e manutenção de sistemas informáticos.

O que é recrutamento humanizado em TI? 

O recrutamento humanizado em TI prioriza o ser humano. Portanto, o tech recruiter que tem uma abordagem humanizada terá uma postura diferenciada perante a pessoa candidata em todas as fases do processo seletivo. Além disso, irá apontar caminhos, como até mesmo a candidatura em outras vagas mais alinhadas ao seu perfil. 

Sobretudo, o olhar humanizado está acima dos lucros da empresa, procurando entender quais são as necessidades e o momento que a pessoa candidata está vivendo.  E isso se reflete positivamente na percepção que o público externo tem da empresa, além de trazer outros benefícios. 

Quais os benefícios do recrutamento humanizado em TI? 

Um profissional examinando gráficos em uma prancheta digital com ícones de tecnologia flutuantes, representando a análise de Vagas TI descrição de vagas

Enfim, o processo seletivo que evidencia a pessoa se reverte em benefícios para a empresa como um todo. Para começar, a pessoa recrutadora tem a chance de atrair talentos que poderiam declinar da vaga em um processo convencional. Isso porque o(a) candidato(a) se sentirá acolhido pela organização. Veja a seguir mais benefícios dessa cultura. 

Promover bem-estar 

Por trás de cada currículo há uma história. Muitas vezes é um desenvolvedor em transição de carreira ou alguém recém saído da faculdade. Por isso, o momento de seleção deve ser conduzido de maneira a não gerar traumas nem descontentamentos nas pessoas. 

Evitar estresse na avaliação técnica 

O profissional de tecnologia passa, normalmente, pelo teste técnico nos processos seletivos, que avalia as hard skills mencionadas no currículo. Mas muitos desenvolvedores travam diante do temido “quadro branco” e não conseguem demonstrar seu conhecimento. 

Portanto, com um recrutamento humanizado em TI é possível extrair o que há de melhor no(a) candidato(a). 

Um estudo realizado pela Microsoft e North Carolina State University (NCSU), por exemplo, constatou que as entrevistas técnicas convencionais excluem candidatos talentosos porque eles ficam nervosos e não conseguem desenvolver bem o código. 

A Coodesh é uma plataforma de recrutamento tech que realiza teste técnico com os candidatos às vagas publicadas pelas empresas. 

A pessoa candidata é convidada a fazer o Fast Challenge, que é uma avaliação teórica on-line, e o Project Challenge, onde desenvolve um código dentro de cinco dias. Logo após, ela recebe o feedback dos desenvolvedores da equipe com dicas. 

Crescimento do employer branding 

É preciso ter em mente que uma pessoa candidata é como um cliente da sua marca. Portanto, se ela estiver satisfeita, vai criar conteúdo positivo nas redes sociais, fazendo com que mais pessoas tenham uma percepção favorável da sua empresa. 

Dessa forma, o recrutamento mais sensível melhora o employer branding. Basta dar uma olhada no feed do LinkedIn para ler comentários positivos e negativos sobre as experiências dos candidatos com as empresas. 

Há grupos e canais nas redes sociais que citam as “vagas arrombadas”, inclusive com os nomes das empresas. Portanto, o tech recruiter também deve estar atento à repercussão do processo seletivo na internet, desde o anúncio da vaga à etapa final do recrutamento. 

Leia também:

Dicas para conduzir um recrutamento humanizado em TI  

Como estamos falando de profissionais de tecnologia, é bom lembrar que as startups e empresas estão cada vez mais enfrentando desafios para contratá-los. 

Existe a chamada “fuga de cérebros” para o exterior, com salários em dólar, e a disputa por profissionais experientes, que são em menor número. 

Então, ter um processo humanizado, documentando-o para futuros recruiters da empresa, é um diferencial. Mas aproveite para conferir mais dicas a seguir. 

1. Entenda sua persona 

Persona, no marketing digital, é um personagem semifictício criado para representar o cliente ideal. No recrutamento tech, o “cliente” ideal é o público que se encaixa nas vagas abertas. 

Sendo assim, a dica é entender os anseios, os sonhos, os medos e as rotinas do profissional de tecnologia. Para isso, faça pesquisas nas redes sociais, leia artigos, comentários e, especialmente, converse com pessoas candidatas para buscar traçar um mapa de perfis para te auxiliar nos processos seletivos. 

2. Evite processos longos e com várias etapas 

Como o momento é de escassez de mão de obra na área tech, um processo seletivo e com várias etapas pode ser um tiro no pé. Afinal de contas, o profissional de tecnologia não tem paciência para passar por várias entrevistas. 

Além disso, se ele já fez o teste comportamental, o teste técnico e a entrevista de fit cultural, a empresa já tem bons subsídios para a contratação ou não. 

3. Entenda o momento do candidato 

A pessoa desenvolvedora, normalmente, vem de outros processos seletivos. Pode ser que eles não tenham sido tão positivos. Assim, o candidato criou uma visão generalista dos tech recruiters. É seu papel, portanto, usar de inteligência emocional para entender esse momento e não desperdiçar um candidato só porque não lhe deu tanta atenção. 

4. Explique todas as etapas 

Para garantir um recrutamento humanizado em TI é importante explicar todas as etapas à pessoa candidata e se certificar de que ela não ficou com dúvidas. Isso porque a pessoa pode estar participando de outras entrevistas. Além disso, ao ter transparência no processo os candidatos ficam menos ansiosos e se sentem mais acolhidos. 

5. Reconheça o esforço do candidato 

O recrutamento e seleção de profissionais tech, especialmente desenvolvedores, é mais complexo porque envolve testes e desafios técnicos. Sendo assim, muitas pessoas precisam dedicar boas horas do seu dia envolvidas nesses procedimentos. Por essa razão, reconheça esse esforço, deixando isso bem claro nos contatos com o candidato. 

6. Evite perguntas invasivas ou uma postura intimidadora 

Há uma regra no recrutamento humanizado: se a pessoa não se sente bem diante de uma pergunta na entrevista, mude rapidamente de assunto. Afinal de contas, o objetivo do recrutador não deve ser constranger ninguém. 

Além disso, não ter uma postura intimidadora, que faça o(a) candidato(a) sentir-se acuado e não demonstrar seus verdadeiros talentos. 

7. Preocupe-se sempre em dar feedback 

Muitos desenvolvedores e outros profissionais de tecnologia vão ao LinkedIn para comentar sobre empresas que não deram feedback após meses de uma entrevista. 

Portanto, na concepção do recrutamento humanizado é impossível não pensar no feedback estruturado, pois ele conecta a sua empresa ao candidato, causando uma boa impressão. Afinal, é natural que a pessoa não aprovada queira saber os pontos que precisa melhorar para os próximos processos. 

Sensibilidade é um requisito no recrutamento humanizado em TI 

Dois profissionais apertando as mãos durante uma entrevista para Vagas TI recrutamento humanizado, simbolizando o recrutamento humanizado

Em suma, a sensibilidade é a palavra-chave nesta abordagem. “Acredito que ter a sensibilidade de entender o momento da pessoa, as expectativas, valores, trajetória e perfil comportamental, seja muito importante não só na área tech, mas em todas as áreas”, comenta a tech recruiter da Coodesh, Quetlin Kober.

E quando falamos em trabalho remoto, a pessoa recrutadora também deve avaliar as necessidades do candidato. 

“A maioria das vagas de tecnologia é 100% home office, portanto, essa pessoa vai trabalhar sozinha tendo contato com outras pessoas somente no modo remoto. Então, ter todo esse entendimento vai contribuir para saber se a empresa atende às necessidades do candidato”, analisa. 

Ainda segundo a tech recruiter, “é importante que a pessoa se sinta acolhida e pertencente ao seu novo desafio. Dailies, contato com a equipe e comunicação ativa irão ajudar essa pessoa a não se sentir ‘deixada de lado’, se esse for o seu perfil. 

Mas se o candidato for do tipo que gosta de trabalhar sozinho, ele vai se sentir melhor se não precisar ficar conversando, todos os dias, assuntos que não sejam somente sobre suas entregas e prazos. 

Tudo isso é possível identificar no candidato no momento do recrutamento com um olhar mais sensível e humanizado para que o match seja perfeito entre a pessoa e sua nova empresa”, aponta Quetlin. 

Vagas TI: Como e onde anunciar vagas para desenvolvedores?

Quando o assunto é vagas para desenvolvedores, muita gente torce o nariz porque já prevê dificuldades na hora do recrutamento e seleção. Afinal de contas, a demanda das empresas é maior que a oferta de DEVs. Além disso, os erros de contratação podem sair caros para a empresa. Então, como contratar de maneira mais assertiva? 

É preciso levar em consideração uma série de fatores que interferem na contratação da pessoa desenvolvedora certa. Há pouca mão de obra qualificada. Além disso, é difícil recrutar profissionais de tecnologia devido ao recrutador, na maioria das vezes, não dominar as linguagens e frameworks exigidos na vaga. 

Então, você sabe por que é tão importante caprichar no anúncio da vaga e no canal de distribuição? Porque quanto mais direcionado for o anúncio, mais candidatos(as) qualificados(as) aparecerão. Como resultado, o RH economiza tempo e dinheiro no processo. 

Mas, afinal, como entender o cenário atual do mercado de TI (Tecnologia da Informação) para, finalmente, encontrar os melhores talentos? 

Quanto custa um processo de recrutamento para a empresa?

Dois profissionais discutindo sobre Vagas TI melhor área de em um ambiente de escritório moderno e iluminado

Assim como em outros processos da empresa, o recrutamento de novos(as) funcionários(as) gera despesas. Por mais que o RH escolha conduzir o processo sem a ajuda de plataformas especializadas, deve-se considerar o tempo usado nas etapas do recrutamento. E, como sabemos, tempo é dinheiro. 

Um levantamento do Huffington Post aponta que as pessoas do time do RH levam, em média, uma hora e meia para divulgar vagas para desenvolvedores nas plataformas digitais. 

Portanto, a cada vaga tech aberta, é preciso ressaltar que o(a) profissional de RH investirá seu tempo na seleção de currículos, no agendamento de entrevistas, nas entrevistas em si, no feedback às pessoas candidatas, entre outros afazeres do setor. 

Assim, é importante que esse fluxo ocorra sem maiores percalços para que se atinja o objetivo de contratação. E, principalmente, que se retenha o talento para evitar novos gastos. 

Isso porque as contratações mal sucedidas geram frutos amargos para as organizações. Um levantamento feito pelo LinkedIn, em conjunto com a Price Waterhouse Coopers Auditores, estima que US$ 19,8 bilhões são desperdiçados por ano em todo o mundo com contratações fracassadas. 

Portanto, é imprescindível usar o tempo disponível no RH para direcionar o anúncio das vagas para desenvolvedores de modo que se consiga atrair os principais talentos e se possa mantê-los no time. 

Como criar vagas para desenvolvedores? 

Ao receber a missão de criar vagas para desenvolvedores, é fundamental que o RH tenha em mãos informações primordiais, como: 

  • Nome da área, como Front-end, Back-end, Full-stack, Mobile, entre outros; 
  • Formato da vaga, se é remoto, presencial ou híbrido; 
  • Se for híbrido ou presencial, colocar a cidade de origem da vaga; 
  • Tipo de contratação, se por freelancer, regime CLT ou contrato PJ; 
  • Jornada, se part-time (meio período) ou full-time (período integral); 
  • Nível de experiência, ou seja, se a empresa deseja contratar uma pessoa estagiária, Júnior, Pleno ou Sênior; 
  • Hard skills e soft skills, demonstrando claramente o que se espera da nova pessoa contratada; 
  • Atrativos da vaga, afinal de contas, nem sempre o salário em si é o que mais atrai os developers, mas sim os atrativos, como cartões de benefícios, auxílio-home office, entre outros;
  • Faixa salarial, dependendo da área e da concorrência por DEVs, é interessante anunciar o valor estimado para a remuneração. 

Onde anunciar vagas para desenvolvedores? 

Um indivíduo usando um tablet com gráficos e análises detalhadas na tela, representando nossa abordagem de Vagas TI recrutamento humanizado

A primeira coisa que vem à cabeça ao falarmos em vagas para desenvolvedores é o LinkedIn, que é a rede social mais voltada ao mundo corporativo. 

Entretanto, além dele, há canais mais aderentes, como as plataformas de recrutamento tech. Nesse sentido, a Coodesh é uma startup especializada em anunciar vagas e recrutar pessoas para as áreas de tecnologia, especialmente programadores(as) e desenvolvedores(as). 

Mas o tech recruiter também pode se valer de comunidades de DEVs nas redes sociais, que são bastante sólidas nas principais regiões do país e podem ajudar a divulgar a vaga de forma mais abrangente. 

Lembrando que quanto mais nichado for o canal, melhor. Isso porque muitas startups em estágio inicial acabam anunciando as vagas de maneira muito genérica no Facebook, por exemplo, o que certamente irá aumentar o trabalho do RH na hora da seleção dos currículos. 

Em suma, a regra de ouro é: quanto mais direcionado, melhor. Portanto, se você está contratando C# developer, por exemplo, procure comunidades em grupos do WhatsApp e, principalmente, plataformas de HR Tech para atrair pessoas mais qualificadas para a sua empresa. 

Acima de tudo, trabalhe o employer branding da sua empresa a fim de atrair organicamente mais pessoas capacitadas para as oportunidades que estão surgindo. 

Conclusão

Em resumo, o mercado de trabalho para profissionais de TI continua em crescimento e oferece diversas oportunidades.

No entanto, é importante que os profissionais estejam preparados para se adaptar às mudanças e continuem aprimorando suas habilidades para se manterem competitivos e relevantes neste campo em constante evolução.

desenvolvimento e treinamento de pessoas
Camila Rocha, é uma profissional experiente em publicidade. Com formação pela Fumec, ela coordena atualmente a BU de Educação na Sólides Tecnologia, onde trabalha há 6 anos. Sua expertise em liderança e estratégias de educação corporativa tem sido fundamental para impulsionar o crescimento e o desenvolvimento dos colaboradores.
Assine a nossa Newsletter