Artigos

E agora virei gerente !!

Alguns dias atrás um antigo vendedor me telefonou e dizendo que a atual empresa que estava, atuando como vendedor, o havia colocado na parede: “Ou você aceita ser nosso gerente ou então nós o promovemos na força”

Histórias como essa podem parecer fantasias criadas ou uma obra de ficção, mas na prática acontece com freqüência, visto a escassez de mão de obra.

Na breve conversa que tivemos, ficou acertado que “ ele “ iria me ligar para marcarmos um café e assim conversar algumas condutas. Isso já faz mais de dois meses e em nenhum momento meus telefones ou e-mails foram acionados.

Outro caso semelhante aconteceu há poucos dias, relatado por um vendedor. “ Um determinado gerente ligou para o seu vendedor e agendou uma quinta feira, para correção de rota e a inclusão de possíveis clientes”. Já que o setor estava extremamente mal dividido.

Segundo esse vendedor, naquela quinta feira o gerente não o procurou. No final de semana seguinte o gerente saiu de férias. Na segunda feira quando visitava seu quarto cliente ( semanalmente ), verificou que aquele cliente havia saído do seu palm.

Segundo relato, o gerente fez a seu modo a inclusão de alguns nomes e a retirada de outros de seu palm, sem que fosse comunicado. ( Lei de representações comerciais )

Profissionais dessa forma infelizmente ainda estão operando em nosso meio. Empresas atacadistas fazem o balanço não pelo gigantesco tour over mas pela soma que a planilha marca no final do mês.

Esquecem que numa equipe de venda, alguns são beneficiados com roteiros escolhidos, clientes marcados e principalmente com a complacência do gerente de vendas.

Casos como os narrados, mostram o despreparo das empresas quando contratam profissionais para representá-las no campo. Geralmente equipes não são formadas devido à falta de qualidade no gerenciamento. Gerentes viram reféns de alguns vendedores que por sua vez garantem parte das vendas para a equipe.

Portanto, alguns itens poderiam ser analisados antes dessas atitudes grotescas.

Transparência no processo
Não prometa o que não possa cumprir.
Cumpra o prometido. Justifique quando não seja possível.
Seja honesto com suas propostas
Cobre resultados
No primeiro caso, foi flagrante a falta de compromisso, pois os atuais meios de comunicação permitem uma rápida e eficaz comunicação, seja ela por e-mail, telefone ou outro usual.

No segundo caso, ficou claro o favorecimento a certo grupo eleito pelo gerente de vendas.

Lamentável, bons vendedores estão migrando para outros setores, em decorrência a falta de qualidade de algumas empresas e da ingerência de muitos profissionais que se julgam capazes.

Fiquem com Deus.

Mainaldo Medeiros – Escritor, conferencista, com formação em Marketing, trabalhou nos maiores atacados do Pais, de vendedor a gerente de vendas.

Criador do CLUB DO VENDEDOR -(www.clubdovendedor.com.br), acessado em mais de 45 países.
Autor do livro “Miopia Corporativa” (Verdades e Mitos) publicado pela Editora 24 horas, a venda na Livraria Cultura.

Por:

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of