Artigos

Empreenda e invista no que você faz de melhor

Nota: Empreender e investir no que você faz de melhor, de acordo com o Site Dicionário Informal, significa:

“Criar opções de melhor desempenho, ganho ou lucro. Transformar rotinas de trabalho de forma a gerar mais produtividade, ter ideias inovadoras e desafiadoras.Capacidade de enxergar além do cotidiano, solucionar com habilidade e criatividade. Ter visão de dono.”

Fazer o seu melhor não é simplesmente fazer; colocar em ação; em prática. Fazer o seu melhor exige que você invista e empreenda na melhora de suas ações e na realização de um excelente trabalho. E, com certeza, você tem uma área em que faz o seu melhor, a qual deve empreender para: conquistar um ótimo emprego; uma carreira de sucesso; um negócio bem-sucedido; ter alta credibilidade profissional; ser exemplo de profissional de sucesso.

Empreender e investir no que faz de melhor faz de você um profissional que sabe usar as ferramentas necessárias para executar um excelente trabalho. Faz de você um profissional muito competente, diferenciado, de atitude, bem criativo, apaixonado e feliz. E as empresas, os clientes e o público em geral valorizam e investem no profissional que empreende, investe e valoriza o que faz de melhor.

O investir e o empreender envolvem

1. Ótimo autoconhecimento;

2. Saber o que faz de melhor;

3. Conhecer bem a área em que atua;

4. Ser curioso, procurar novos conhecimentos, informações e leituras;

5. Fazer cursos, ir a eventos corporativos e fazer networking;

6. Se reinventar, ser criativo, ter ideias inovadoras e não ter medo de arriscar;

7. Ter uma mente aberta e possuir flexibilidade;

8. Fazer uma revisão e adquirir novas habilidades e competências;

9. Ser proativo e altruísta;

10. Saber solucionar problemas com os recursos existentes de forma sensata, persuasiva e criativa;

11. Administrar o tempo e priorizar o que é importante;

12. Conhecer a necessidade do público, dos clientes e dos empregadores;

13. Otimizar o tempo para gerar produtividade e um melhor desempenho na execução das atividades;

14. Ter uma visão de dono sobre a área e resiliência;

15. Investir em aperfeiçoamento pessoal e profissional;

16. Ter empatia e inteligência emocional.

Ter afinidades e paixão pela área escolhida faz você lidar melhor com sua área de atuação e, consequentemente, fazer melhor seu trabalho.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of