Artigos

Como posso conseguir um emprego sem experiência?

emprego sem experiência

Conseguir emprego sem experiência é um desafio. Este artigo vai mostrar tudo o que você deve fazer para conseguir sua primeira oportunidade de trabalho e entrar no mercado.

*Por Eduardo Félix

Nova call to action

A realidade

No cenário atual há menos oportunidades do que vagas para a maioria das profissões. Você vai ler muito por aqui: “contrate caráter, treine habilidades”. Não é a nossa realidade. O mercado já estava ruim, a Pandemia veio desequilibrar.

A maioria das vagas que são abertas são de substituição, ou seja, se eu sou empresário, hoje tenho o poder de barganha para pagar menos e ter profissionais experientes. Treinamento custa tempo e dinheiro, dois dos recursos mais escassos para as empresas.

O que fazer para conseguir emprego sem experiência e como fazer?

Precisamos fazer um cálculo simples. Para isso, devemos buscar as descrições das vagas que gostaríamos de ocupar e ver o que você tem e a vaga pede e o que você não tem para que possa se preparar para chegar lá.

Não adianta querer “abraçar o mundo com as pernas”, ou seja, você precisa ter foco. Tem muita gente que se perde “no mar” de ofertas de cursos, tanto pagos quanto gratuitos. Aprenda o básico da sua profissão primeiro.

Na prática

Imagine que você queira se tornar um Recrutador da Área de Tecnologia da Informação (TI) e não saiba nada sobre a área. Você precisa entender as expressões e a parte técnica dessa área.

Precisa estudar sobre recrutamento e seleção, talvez sobre metodologias ágeis, como Scrum. Entretanto, essa é a parte de conhecimentos, ou seja, você sabe o que deve ser feito, mas ainda não tem a parte prática — apenas eles não garantirão a sua recolocação.

Pronto, agora vamos focar nas habilidades, ou seja, você precisa saber fazer.

“…mas Eduardo, não dão emprego sem experiência.” – Uma das mais tocadas na rádio do desempregado e na rádio do insatisfeito com o trabalho atual.

Para você praticar os seus conhecimentos adquiridos, você pode optar por buscar trabalhos voluntários. Procure pelo site Atados. Dá até para fazer trabalhos remotos.

A Onu também é uma boa pedida, mas a maioria das vagas pedem no mínimo inglês e/ou espanhol em nível avançado. Para pessoas que querem ingressar na carreira de Tech Recruiter, há formas de ingresso em plataformas como 99hunters e Revelo. Você se torna headhunter, ou seja, vai fazer o trabalho ativo de captação de candidatos. Há também o caminho de trabalhar como freela, em projetos pontuais ou começar o próprio negócio…

Agora vamos para o querer fazer: atitude. Hora da entrevista. Seus cursos estão no currículo. Conte o que aprendeu, o que pode implementar. o que ainda pretende aprender. Conte com casos específicos o que fez nos trabalhos voluntários, freelas, projetos…

Acabou? Não. Procure mensurar os resultados do seu trabalho. Crie indicadores. Não pare de estudar. Cursos, livros, artigos científicos, especializações, pós…como disse um dia Cazuza, o “tempo não para”.

Não deixe o mercado te engolir, pois com a velocidade de mudanças, corremos risco constante de obsolescência. Você precisa aprender a lidar com a complexidade crescente do seu trabalho. Para isso, terá mais desafios. No início de uma carreira, uma decisão errada pode custar 10 reais para a empresa. Em determinado momento pode custar 1 milhão.

Employee experience

Conclusão

As dicas são válidas para profissionais que estão em início de carreira — não se esqueçam de buscar estágios e durante o período do bacharelado/licenciatura, se prepararem para processos de trainee.

Participem ativamente da vida acadêmica e não deixem escapar oportunidades de fazer parte da Empresa Junior, Monitoria, Iniciação Científica. O estágio é fundamental para facilitar seu ingresso no mercado de trabalho na sua área de formação.

Quem já tem experiência quer fazer transição de carreira as dicas também são válidas. Um dos caminhos é se preparar para processos em grandes empresas que permitam a rotação de cargos (Job Rotation) e/ou a movimentação interna. Tecnicamente mais fácil – e possível.

Qualquer mudança requer planejamento. É importante que você saiba da sua situação atual para dar o próximo passo.

Quais são as minhas condições atuais? Tenho alguma reserva financeira? Por quanto tempo consigo me manter fora do mercado? Terei suporte da minha família? E se der errado, o que farei? É importante não fantasiar e entender que essa movimentação é uma das coisas mais difíceis para o momento atual.

Gostou do nosso conteúdo e aprendeu como conseguir um emprego sem experiência? Aproveite para conhecer o termômetro do mercado e veja qual carreira seguir!

*Eduardo Felix é Especialista em Recursos Humanos, Carreiras & Recolocação. Trabalha atualmente com treinamento para entrevistas de emprego, com mais de 300 clientes recolocados ao redor do mundo desde 2019.

5 3 votes
Article Rating

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

News do RH Portal

Assine nossa Newsletter e fique por dentro de todas as Novidades e Tendências do Universo do RH