Artigos

Estudantes apresentam dons artísticos na Posiarte 2016

Projeto cultural revela novos talentos em apresentações de artes cênicas, música e artes plásticas, de setembro a dezembro, em Curitiba e Joinville

Sete mil estudantes da Educação Infantil ao Ensino Médio do Colégio Positivo, de Curitiba (PR) e Joinville (SC) participam da Posiarte, uma série de eventos artísticos que engloba apresentações de artes cênicas, música e artes plásticas. O projeto cultural visa estimular e divulgar as potencialidades dos alunos e sua capacidade de inovação e criação.

A cada ano é escolhido um tema central, a partir do qual são desenvolvidas todas as atividades. A nona edição do projeto, realizado via Lei Rouanet e patrocinado pelo Grupo J. Malucelli, traz o tema “Fatos que mudaram o mundo”. Assim, de setembro a dezembro, os estudantes trabalham essa temática em canto, dança, interpretação, movimentos de ginástica, textos, videoclipes e artes plásticas, dando vida aos eventos Ginástica de Gala, apresentação do Grupo Vocal, Festival de Dança, concurso literário Palavra Viva, concurso de videoclipes Posimusic Awards e Exposição de Arte.

O projeto inicia no dia 23 de setembro, com a Mostra de Teatro, que traz 17 peças sobre momentos que mudaram o mundo. A Segunda Guerra Mundial, o surgimento da televisão, o nascimento do Impressionismo e o homem que pisou na Lua pela primeira vez são alguns dos temas abordados. Por meio de enredos criados pelos próprios alunos, os espetáculos permitem ao público fazer uma viagem no tempo e descobrir curiosidades sobre fatos que fazem parte da história. As apresentações, gratuitas e abertas ao público, acontecem no Colégio Positivo – Jardim Ambiental, em Curitiba.

No dia 8 de outubro, no Ginásio Oficial da Universidade Positivo (UP), acontece duas sessões de apresentação da Ginástica de Gala. Por meio da Ginástica Rítmica e da Ginástica Artística, cerca de 600 estudantes convidam o público a entrar no mundo das invenções que mudaram o mundo, incluindo a escrita, a roda, o relógio, os óculos e o telefone. No Festival de Dança, os alunos da Educação Infantil ao Ensino Fundamental II fazem, por meio de interpretação e coreografias, um passeio pelo museu, revisitando obras de grandes artistas e inventores. As apresentações acontecem em seis sessões, nos dias 28 e 29 de outubro, no Teatro Positivo – Pequeno Auditório.

Com um repertório variado, os alunos que fazem parte do Grupo Vocal do Colégio Positivo sobem ao palco para lembrar e emocionar a plateia interpretando canções que mudaram o mundo. No repertório, há composições de Chico Buarque, Beatles, Michael Jackson, Chiquinha Gonzaga e muitos outros nomes que marcaram época e são lembrados mundialmente. A iniciativa valoriza as múltiplas inteligências e tem como objetivo proporcionar o desenvolvimento da linguagem musical, da voz e da socialização dos 150 alunos participantes. As apresentações acontecem no dia 5 de novembro, no auditório do Colégio Positivo – Jardim Ambiental.

Por meio de videoclipes, 650 estudantes do Ensino Médio apresentam a evolução das mídias utilizadas para ouvir música: do vinil ao Spotify. Nos dias 17 e 18 de novembro, no ginásio do Colégio Positivo Júnior, são apresentados e premiados os melhores trabalhos, em diversas categorias.

Nos dias 22 e 23 de novembro, acontece em Curitiba e Joinville a premiação dos melhores textos literários de alunos do 4º ano do Ensino Fundamental ao Ensino Médio do Colégio Positivo e também do Curso Positivo, no evento denominado Palavra Viva. Os melhores trabalhos de cada turma são selecionados pelos professores e publicados em um livro. Uma comissão avaliadora externa seleciona os premiados.

A Exposição de Arte deste ano traz o formato de intervenção urbana. A mostra trabalha o protagonismo dos alunos abordando o tema “Como eu mudo o mundo”. Para isso, alunos e familiares produzem pequenas flores de celofane para serem instaladas no Solar do Rosário, mudando-o e recriando poeticamente uma nova paisagem visual, para despertar um novo olhar para a arte contemporânea, além de estimular e praticar, ao longo do projeto, a sustentabilidade social. A exposição ficará disponível para visitação nos meses de novembro e dezembro.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of