Artigos

Formação de equipes e liderança

Motivar é Formar Equipes de Trabalho

A motivação é uma ação
geradora do desenvolvimento humano, entretanto cada um trás dentro de si suas
próprias motivações.

Para enfrentar as
dificuldades atuais as organizações buscam encontrar pessoas competentes e
criativas.

Nova call to action

Valorizar os colaboradores e
promover uma política organizacional para este fim é oportunizar aos funcionários
a assumirem seus papéis dentro da entidade, melhorando o desempenho de cada um
para alcançar com êxito os objetivos pessoais e profissionais.

Os líderes têm papel
preponderante na motivação de seus seguidores, porém não existe um modelo
padrão para a motivação, mas os líderes tem que descobrir a melhor maneira de
motivar seus liderados. Não se pode
falar em motivação dissociado da liderança, uma vez que o líder é o responsável
pelo desenvolvimento deste modelo de busca. O líder é um administrador e
facilitador dentro da entidade, para que o indivíduo desenvolva novas maneiras
de agir e novos comportamentos no local de trabalho, influenciado pela sua
maneira de gerenciar.

O gestor deve promover a formação e o
desenvolvimento dos colaboradores através do uso de tecnologias e outras metodologias,
que facilitem a execução da tarefa como meio de satisfação. Há que se posicionar de forma a assumir
características de um líder e, diante da situação, colocar em prática seu
estilo para alcançar a eficácia dos colaboradores, sem, contudo, se desviar das
características naturais de cada um.

Conhecer suas próprias
fraquezas e buscar as competências necessárias para o desempenho de sua função,
permite ao líder moderno assumir seu papel na gestão e na política organizacional, para a construção de ambiente
salutar para o bem comum, e para a formação da equipe de trabalho.

Formar equipe de trabalho
requer a escolha de pessoas habilitadas para atuar em conjunto, considerando as
mais variadas experiências individuais, aproveitando cada uma delas para se
chegar aos resultados satisfatórios.

Bem sabemos que os
relacionamentos trazem conflitos, e estes conflitos podem ser, ou não, fatores
de obstáculos e de sucesso no grupo. É
neste contexto que a figura do líder aparece como gerenciador de crise na busca
de uma solução. Mostrar para cada integrante
sua função de maneira tal que cada um possa entender e aceitar as diversidades
do outro é fundamental e é uma das maneiras de gerenciar.

Assim líderes motivadores
conseguem, quase sempre, montar sua equipe com integrantes com as mesmas
características, comprometidos com a organização e buscando sempre o melhor de
si na preparação da equipe, os levando a estar mais preparado para vencer os
constantes desafios do mundo atual.

Valdecyr Alves Pinto
Bel. Administração – Tec. Gestão de Recursos Humanos – Pós Graduado em Docência do Ensino Superior – Estudante de Direito

Obs: Republicando Artigo

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of