Artigos

Insônia

Insônia
“A insônia se caracteriza pela incapacidade de conciliar o sono …” Dr. Dráuzio Varella
Insônia é problema que afeta a muitos. Você sofre disso? Se sofre, leia o artigo abaixo que poderá lhe ajudar.
Eu não tenho insônia. Tive algumas vezes quando jovem, eu cheguei a contar carneirinhos brancos pulando a cerca, mas foram inúteis. Vou contar abaixo o que tenho feito para não sofrer com a insônia.
Se não dormir bem, não poderá trabalhar bem!
A primeira coisa para não ter insônia é não se preocupar com ela. Não fique com medo de ter insônia na hora de ir dormir.
É importante que o corpo esteja cansado o suficiente para dormir. Quanto? Depende da idade. Para cansar um pouco para facilitar a dormir, pode ser qualquer atividade física, uma alternativa fácil e que pode ser feita por qualquer um e em qualquer lugar é a caminhada. Caminhe no seu ritmo, respeitando os seus limites. Só não fique sedentário, porque assim será difícil de pegar no sono. Os exercícios de Tai Chi podem ajudar, existe um exercício de caminhar sem sair do lugar. Quinze minutos de cada vez já ajuda.
Eu caminho sozinho no parque ao ar livre, ouvindo música, para evitar conversas que atrapalha a respiração abdominal que faço caminhando. Eu caminhando de duas a três vezes por semana, cerca de uma hora de cada vez.
Sempre que possível obedeça ao seu relógio biológico. Para a maioria, a noite foi feita par dormir. Mesmo que você pense que para você é diferente, experimente mudar, pode ser só mau hábito.
Sempre eu vou dormir antes da meia noite. Se não dá, paciência, mas vá dormir o mais cedo possível. Quando jovem, por passar horas estudando ou namorando, dormia pouco durante a semana, recuperava as horas de sono aos sábados e domingos. Para mim adiantava, não sei se funciona para todos. Experimente.
Não vá dormir agitado. Se teve algum problema, no mínimo duas antes de ir dormir, sente-se em algum lugar calmo, com boa postura, coluna ereta, sem ninguém a lhe perturbar, com iluminação confortável, ouça música suave ou veja um programa leve de TV, e descanse fazendo a respiração abdominal.
Assim que entrar na cama para dormir, faça auto-massagens nos pés, nas pernas (canelas e panturrilhas, por dentro e fora) e em seguida faça respiração abdominal (deitado de costas, dos dois lados, alternadamente, com joelhos flexionados), o sono vem sem perceber.
Respiração abdominal: Expire contraindo o diafragma e solte-o inspirando. Repita a expiração e inspiração mais ou menos no mesmo tempo. É importante respirar ritmado.
Não vá dormir agasalhado demais, nem de menos! Eu, nas noites mais frias do inverno, durmo coberto de lençol, cobertor e edredom e um cobertor abaixo do lençol da cama. À medida que as noites vão esquentado, vou diminuído as coberturas até ficar só com lençol. Nas noites muito quentes vou dormir de lençol, depois pode ser que fique sem. De madrugada normalmente esfria um pouco, fique preparado para aumentar as cobertas.
Não consegui descobrir como respiramos enquanto dormimos, mas como estou tendo sono reparador, penso que esteja fazendo respiração abdominal.
Segundo o Dr. Dráuzio, todo mundo precisa de sete a oito horas de sono reparador, independente da idade.
Pensava que para mim eram suficiente quatro a cinco horas, porque acordo com isso e me sinto bem, disposto para o trabalho ou a fazer atividades físicas ou intelectuais. Estava enganado, o Dr. Dráuzio tem razão, depois preciso de pequenos períodos de cochilo durante o dia.
Se ainda não tomou, não tome remédios para dormir. Eu nunca tomei remédio para dormir, nem para não dormir. Os remédios são importantes em casos mais graves, mas pode dar dependência. Se já toma remédios para dormir, vá diminuído aos poucos.
Tomar bastante chá verde (1,5 a 2,0 por dia) é bom, mas não tome nenhum tipo de chá antes de dormir. Não vá dormir de bexiga cheia, nem com os intestinos apertados.
Controle a alimentação, não coma muito, muito menos antes de ir dormir.
É recomendável a leitura do artigo do Dr. Dráuzio Varella sobre insônia na Internet.
Se depois de algumas horas de sono, acordar e demorar a dormir de novo não se preocupe. Se dormiu pouco, e ainda estiver com sono, com a respiração abdominal, mudando as posições (de costa, de lado esquerdo e direito), o sono logo voltará. Se já dormiu, três a quatro horas e a mente está descansada, com a respiração abdominal, sono voltará, pode demorar um pouco mais, mas voltará.
Se a insônia persistir procure ajuda médica, é provável que o Instituto do Sono poderá lhe ajudar.

Tsikara Yoshimoto
Engenheiro, Consultor, Corretor de Seguros e Professor de Tai Chi
Livro publicado: Qualidade, Produtividade e Cultura – O que podemos aprender com os Japoneses – Editora Saraiva – 1992
e-mail: yoshimoto@uol.com.br
blog: yoshimoto.blog.uol.com.br
Telefones: 11 5044-9794 e 11 99652-8357
São Paulo – SP

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of