Artigos

Job Description: Qual a Importância e Como Fazer?

job description

Conseguir o profissional ideal para uma vaga é um dos grandes desafios do setor de RH. E isso se torna possível com uma prática cada vez mais adotada pelas empresas, a job description ou, em tradução, descrição do trabalho.

Trata-se de uma estratégia voltada a entregar aos profissionais que estão em busca de uma vaga de emprego as informações necessárias para atrai-los a participarem do processo seletivo.

Nova call to action

Neste artigo, o Tangerino – controle de ponto digital explica detalhes sobre como funciona a job description, o que é necessário estar presente nela, suas vantagens e dicas para criar uma descrição completa e atrativa. Confira! 

O que é Job Description?

A job description é um conjunto de informações cruciais para a construção do anúncio de uma vaga de emprego.

Essas informações envolvem dados sobre a empresa e a vaga, benefícios ofertados, salário, exigências para o cargo, dentre outras.

O grande objetivo dessa prática é fazer com que empresas com uma vaga aberta se conectem a profissionais que atendam aos requisitos colocados e estejam em busca de uma colocação ou recolocação no mercado.

A necessidade por uma boa job description surgiu a partir de uma demanda do setor de Recursos Humanos em reduzir a grande quantidade de currículos recebidos que não atendem às exigências para o cargo.

Dessa forma, ao se dedicar a produzir uma boa descrição do trabalho, aumentam-se as chances da empresa preencher aquela vaga com o profissional que possui o perfil comportamental e as habilidades esperadas. 

Qual a Importância da Job Description?

Conseguir ser assertivo no mercado de trabalho traz vantagens para todos os envolvidos, especialmente empresas e profissionais.

E a job description é uma estratégia que contribui muito para isso. Ela poupa tempo, evita perdas e gastos e também ajuda empresas e trabalhadores a encontrarem as melhores oportunidades e profissionais com base em seu perfil.

Sua importância envolve o cuidado com a imagem da empresa, a otimização do processo de contratação e a oportunidade de encontrar a pessoa certa para aquela vaga que está aberta. Veja algumas dessas vantagens:

É a primeira oportunidade de contato com o candidato

Muitos profissionais passam a conhecer uma empresa justamente no momento em que ela divulga uma vaga. Nesse momento, a organização tem a chance de se diferenciar de outras empresas que divulgam vagas genéricas ou sem muitas informações.

Assim, torna-se um primeiro contato positivo e que já chama a atenção daquele profissional para que queira participar e se dedique ao processo de seleção.

Permite mostrar um pouco da cultura da empresa

A job description é uma estratégia relevante para mostrar ao mercado quem é aquela empresa e como ela enxerga e trata seus profissionais, especialmente aqueles que vão chegar como novos contratados.

Uma descrição completa, transparente e bem escrita já deixa claro que aquela empresa tem compromisso com seus funcionários e que está certa do tipo de profissional que busca. O que ajuda a desenvolver o conceito de employer branding ou marca empregadora.

Isso atrai profissionais engajados, alinhados ao propósito da empresa e que são comprometidos, cumprindo sua jornada de trabalho, com baixa taxa de absenteísmo e alta produtividade.

Auxilia na atração e retenção de talentos

A atração e retenção de talentos é um dos grandes desafios das empresas. E o sucesso de um processo de recrutamento e seleção começa na descrição da vaga.

Ela ajuda a fazer com que a vaga chegue às pessoas certas, que a empresa está buscando. Daí a importância de ser o mais completa possível.

Ajuda na redução da rotatividade

A rotatividade, também conhecida como turnover, também já dá indícios logo no processo seletivo, dependendo da forma como aquela vaga foi divulgada.

Há situações que podem fazer com que o funcionário recém-contratado peça demissão no período de experiência ou seja desligado logo ao assumir seu cargo, já que aquela informação não foi passada antes da sua contratação.

E isso gera custos para a empresa, já que tanto o processo de contratação quanto o de desligamento demandam pagamentos de multas e valores, que impactam no planejamento da organização. 

vagas

Como fazer uma Job Description Perfeito?

Uma job description eficiente consegue equilibrar um texto objetivo, mas que diz tudo o que o candidato precisa saber para decidir se quer ou não concorrer àquela vaga.

Atualmente, descrições muito vagas e que deixam de mencionar informações importantes, como salário e o nome da empresa, afastam bons candidatos e enchem o RH da empresa de currículos e perfis que não condizem com aquele buscado.

Por isso, a descrição deve ser elaborada com cuidado, de forma que o responsável por escrevê-la coloque-se no lugar de quem irá ler, tornando-a atrativa. Veja o que deve conter na job description:

  • Título da vaga;
  • Nome e informações sobre a empresa e sua cultura organizacional/ambiente de trabalho;
  • Qualificações e habilidades exigidas e consideradas como diferencial;
  • Responsabilidades da função;
  • Salário inicial;
  • Benefícios; 
  • Outras informações que podem ser úteis para o candidato e consideradas indispensáveis, dependendo da função. 

É sempre importante lembrar que a job description não pode ser extensa e nem colocar empecilhos demais, que podem afastar bons candidatos. 

O RH, junto à área técnica que está contratando, devem elaborar a descrição citando aquelas informações mais importantes e aquelas exigências que são definitivas para eliminar um candidato, como, por exemplo, exigência de experiência anterior na área e até mesmo disponibilidade do profissional para fazer viagens.

Veja também: 10 modelos de descrição de cargos para atrair candidatos

4 dicas sobre o que não fazer em um Job Description

Já deu para entender mais sobre como é uma job description bem feita e sua importância para as empresas e também para quem procura uma oportunidade profissional.

Mas é preciso estar atento a algumas práticas que devem ser evitadas para que a empresa não atraia candidatos que não tenham o perfil que ela busca e até mesmo para que o candidato realmente se interesse por aquela vaga. Veja algumas dicas:

1. Citar o cargo de maneira genérica, sem especificá-lo

Quanto mais específica a job description conseguir ser, melhor para ambas as partes, empresa e candidato.

Assim, deixar bem claro o propósito da vaga, é o mínimo. Dessa forma, ao invés de citar “profissional da comunicação”, por exemplo, opte por ser mais específico, com “profissional de comunicação interna”, “jornalista” ou “redator”

2. Manter em sigilo o nome da empresa

Com o novo contexto do mercado, os profissionais são atraídos pelo perfil da empresa e o que as pessoas falam dela. Assim, ao não mencionar a organização, corre-se o risco de atrair candidatos que não têm o perfil que a empresa busca.

3. Solicitar requisitos e conhecimentos fora da realidade da vaga

É preciso ser fiel ao cargo, ao que ele demanda, salário e benefícios. Por isso, a job description deve ser realista com as exigências.

Exemplo muito comum de se encontrar é quando as empresas exigem muitas experiências de estagiários e candidatos recém-formados, o que pode fazer com que os candidatos não se interessem pela vaga.

No caso do estagiário, principalmente, a proposta do estágio é justamente dar o suporte para que ele adquira experiência e, apresentando muitas exigências na descrição do cargo, a proposta da vaga pode se tornar contraditória.

4. Utilizar uma comunicação agressiva 

A forma como a empresa se comunica é fundamental. Por isso, algumas frases e expressões negativas podem ser trocadas.

Por exemplo: ao invés de utilizar “não aceitamos currículo sem experiência”, troque por “a experiência para essa vaga é muito importante e critério para a seleção do currículo”.

Dessa forma, a empresa passa o recado sem parecer rude.

Conclusão

Uma job description bem elaborada é fundamental para que a empresa consiga atrair e reter os melhores talentos, além de ajudar na otimização do trabalho do RH.

Outra grande vantagem dessa prática é a valorização da marca perante o mercado, o que contribui para torná-la mais competitiva. Com isso, tanto a organização quanto o profissional ganham! 

Gostou dessas dicas? Não deixe de acompanhar o blog do Tangerino para saber de mais novidades do DP e RH. 

5 1 vote
Article Rating

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

News do RH Portal

Assine nossa Newsletter e fique por dentro de todas as Novidades e Tendências do Universo do RH