Artigos

Nova metodologia interna beneficia funcionários durante a pandemia

Anywhere Office é o nome da metodologia que a empresa Pitzi adotou durante a pandemia com o objetivo de equilibrar a vida e a saúde do time durante o período.

A pandemia foi um fator que nenhuma empresa esperava que viesse da forma rápida. Em questão de dias, as empresas precisaram se reinventar para manter, primeiro, a saúde dos funcionários e depois o negócio girando. Cada empresa se adaptou de uma forma, de acordo com sua cultura empresarial. Na Pitizi não aconteceu diferente, foram reunidas diversas iniciativas que a empresa denominou como: Anywhere Office.

Com uma tríade formada por desempenho, qualidade de vida e sustentabilidade, o material consiste em difundir entre todos os Pitziers diversas informações úteis e dicas de como lidar com esse novo momento que estamos vivendo. Atitudes como férias, trabalho remoto, custeio de carros particulares para levar e trazer pessoas ao escritório, salas de bate-papo virtuais para que as pessoas não se sentissem sozinhas, foram algumas das medidas adotadas nessa metodologia. Com isso, a empresa conseguiu frear demissões e saídas da empresa, tendo um turnover em 2020 de apenas 4,5% do time, menor que em 2019, quando não havia pandemia.

Nova call to action

Em apenas 1 semana, foi implementado o sistema de trabalho remoto para toda empresa garantindo segurança das informações, com estrutura necessária para que todos os Pitziers pudessem trabalhar de suas casas. Além disso, sempre pensando no bem-estar das pessoas, o time de RH começou a trabalhar a questão da saúde mental com diversas palestras focadas nesse tema em um período de muito aprendizado, afinal o home office nunca esteve nos planos da empresa desde então.

O projeto Anywhere Office mostrou uma outra visão para a empresa. Graças às metodologias de feedback, o home office se mostrou muito eficiente, sendo um dos pilares responsáveis por gerar promoções ou aumentos de salário de 34% dos colaboradores da empresa, um número maior que o de 2019.

Essa nova fase da empresa foi capaz de modificar os relacionamentos entre funcionários e também o impacto da Pitzi no meio ambiente. Pois, a mudança cultural se refletiu em novos processos operacionais, que usaram da tecnologia em prol de menos poluição. “Uma das mudanças mais significativas certamente foi a que tivemos no impacto ambiental. Tivemos também uma troca de cultura, pois muitas de nossas áreas eram dependentes de processos bem arcaicos que chegavam a demandar impressões o dia todo e hoje conseguimos ter um processo 100% limpo e digital utilizando a tecnologia a nosso favor”, afirma Lídia Gordijo, Chief Experience Officer da Pitzi.

É nítido que houve um impacto positivo tanto na vida das pessoas, como na utilização do tempo de trajeto para que os funcionários possam investir no desenvolvimento pessoal e profissional, e isso impacta diretamente também a esfera ambiental. Foi possível ajudar na diminuição de CO² e economia de impressão digitalizando dentro dos processos da empresa.

Para que haja um acompanhamento das iniciativas citadas anteriormente, a cada 15 dias o time de People dispara uma pesquisa com perguntas voltadas à gestão de atividades, comunicação envolvendo relacionamento com pares, gestores e demais pessoas da empresa. Assim, o departamento consegue visualizar se as ações estão sendo positivas para a melhoria na gestão da empresa como um todo. Sempre pensando em como tornar os processos da Pitzi mais otimizado e os funcionários mais felizes.

0 0 votes
Article Rating

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments