Artigos

Motivação x Engajamento: qual é a diferença e como ter uma equipe produtiva?

motivação e engajamento

Você sabe qual é a diferença entre motivação e engajamento dos colaboradores?

Em um primeiro momento, é normal pensar que os dois conceitos se referem à mesma coisa, mas não é bem assim. Resumindo: ambos possuem suas próprias características, por mais que estejam fortemente interligados. 

Portanto, é preciso nutrir esses dois comportamentos em seus funcionários. Com isso, eles se tornam bons porta-vozes da sua marca. Continue a leitura e entenda a diferença entre esses conceitos e como ter uma equipe produtiva!

Nova call to action

Motivação e engajamento: qual é a diferença?

Para começar, a motivação é o que faz cada um sair da cama em busca de conquistar os próprios objetivos. Ela é um processo cognitivo fundamental para quem quer se destacar no âmbito profissional. Afinal, trabalhadores motivados são os que mais chamam a atenção dos gestores. 

A motivação é afetada tanto por fatores internos (disposição e saúde mental) quanto por fatores externos (socialização e as oportunidades).

Já o engajamento é o relacionamento criado entre as pessoas e a sua marca. Ou seja, ele é um indicador de como a sua estratégia de comunicação está sendo vista. 

O público pode ser tanto o externo quanto o interno. Isto é, mesmo os seus funcionários fazem parte de seu público-alvo. Fazer com que eles estejam engajados com a sua marca de demolição controlada, por exemplo, e a divulguem positivamente é algo que todo gestor deveria colocar como prioridade.

Para ter uma equipe produtiva, separamos algumas dicas que podem te ajudar a melhorar a motivação e o engajamento de seus colaboradores. Confira!

Dicas para aumentar a motivação e o engajamento da equipe

1. Pratique o mindfulness

As técnicas de atenção plena (ou de mindfulness) são formas de aumentar a concentração dos trabalhadores. Afinal, o estresse e a correria podem tirar o foco das ações realmente importantes de cada um. 

Assim, estimular o cérebro para desempenhar sempre o seu melhor terá impacto na motivação. Com isso, os funcionários vão sentir que estão rendendo dentro da empresa.

2. Mantenha os funcionários hidratados

A água é fundamental para nossa saúde. Por isso, é importante nos mantermos sempre hidratados. Ainda mais que nosso corpo é composto de até 70% de água. O cérebro, porém, chega a ter 85%. E ele é o principal órgão da concentração e da motivação. Ou seja, distribua bebedouros pelos ambientes da empresa e incentive o consumo regular.

3. Reconheça bons trabalhos

Críticas, desde que bem construídas, podem ajudar na melhoria dos processos. Por isso, é extremamente importante reconhecer os trabalhos bem-feitos, funcionando como uma espécie de chave de nível.

Considere isto como uma uma forma de animar os funcionários. Eles vão se sentir mais úteis e valiosos para a empresa. Consequentemente, eles também tendem a continuar o bom desempenho, ou seja, haverá motivação e engajamento.

4. Tenha planos de benefícios e recompensas

Além de elogios, implemente sistemas de bonificação e recompensa. Isso pode ser mensurado com objetivos e resultados (OKRs) e tende a estimular os colaboradores a entregarem sempre o seu melhor. 

Porém, não crie metas impossíveis e irreais. Afinal, isso pode desmotivar o seu colaborador que nunca será capaz de atingir os objetivos esperados.

5. Meça a satisfação dos funcionários

Normalmente, as empresas costumam priorizar a satisfação dos clientes em relação a seus produtos, como uma luva de vaqueta, por exemplo, ou serviços (conheça mais sobre o que é NPS). Porém, considere importante implementar métodos de medir a experiência de seus profissionais.

Afinal, essas métricas podem ajudar a detectar falhas de gestão ou de comunicação, a fim de corrigi-las a tempo. O próprio colaborador diz os pontos de melhoria. Depois, procure atender o máximo possível de suas expectativas.

6. Seja transparente

É muito comum que as empresas sejam divididas em setores sem que um não saiba exatamente o que o outro faz. Assim, organizar reuniões periódicas para debater resultados é uma maneira de manter todos alinhados no mesmo propósito. 

Dessa forma, fica mais fácil entender como seu trabalho impacta em outros departamentos. Porém, é importante sempre ser transparente.

7. Garanta o bem-estar dos colaboradores

Como falamos no começo deste post, a motivação e engajamento inclui uma série de fatores cognitivos. Eles são influenciados tanto pela saúde mental quanto por ações externas. Assim, promova um ambiente saudável. E também compreenda as necessidades de cada indivíduo. Ao se sentir único, o funcionário também se sentirá mais valorizado.

Gostou do conteúdo? Compartilhe!

Este artigo foi escrito pela equipe do Soluções Industriais.

0 0 votes
Article Rating

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments