Artigos

6 motivos para caprichar no Atendimento ao Cliente

No decorrer da minha experiência com atendimento ao público, fui elogiado, xingado, amado e odiado, aprendi a reagir e a agir de diferentes formas, sempre atento ao cenário, situações e aos vários perfis de clientes, que formam uma combinação infinita de possibilidades. Essa pluralidade sempre me apaixonou, mas confesso, houveram dias e situações difíceis.

Ao se deparar com estas dificuldades, muitos atendentes – infelizmente – assumem uma postura infiel ao seu papel e se tornam pessoas automáticas em suas funções, o famoso “só faço o meu trabalho”, um trabalho sem vida, sem cor e sem prosperidade.

Percebendo isso, sempre me perguntei como encontrar e manter a alegria ao servir? Levando em consideração os desafios que envolvem o atendimento ao cliente, e sobretudo, para aqueles que não possuem vocação para a área, mas que por algum motivo, dela precisam.

Nova call to action

Aprendi que só fazemos algo porque determinada atitude trará um benefício em troca. Por exemplo: trabalhamos para receber o pagamento; fazemos uma boa ação porque isso também nos faz bem; damos flores porque isso fortalece a nossa relação e aumenta a nossa aceitação social. Só fazemos as coisas que fazemos porque ganhamos algo em troca, seja de forma consciente ou inconsciente.

Sendo assim, reuni aqui, seis benefícios que temos quando nos esforçamos para atender bem, confira:

1. Sentir satisfação pessoal

Nada melhor que chegar em casa depois de um dia de trabalho, olhar para o espelho e pensar: “hoje fiz o meu melhor”, “hoje fidelizei 10 clientes”, “hoje resolvi um conflito quase impossível”. Reconhecer seu esforço e dedicação no atendimento é um presente pessoal que só quem se dedica a atender bem pode se dar!

2. Conquistar fãs

Quando você faz um atendimento humanizado, cuidadoso, interessado e eficiente, você deixa de ter clientes e passa a ter fãs, pessoas que torcem pelo seu sucesso, ficam felizes com a sua promoção, sentem sua falta quando você não está.

3. Se tornar mais resiliente

Um bom atendente sabe resolver problemas com calma, eficiência e assertividade, ele suporta situações estressantes e constrangedoras com facilidade e profissionalismo, isso porque cria experiência com seus atendimentos anteriores e ao invés de evitar e fugir, os encara com coragem.

4. Ser referência para seus colegas

Quem atende bem e se esforça para fazer isso, também é admirado pelos colegas de trabalho. Esta dedicação é percebida por todos e ele passa a ser uma inspiração para a turma. Com o tempo e com muita humildade ele pode ensinar suas técnicas e experiencias para os colegas, assim, sem pretensão, também começa a se destacar. Além de que, quando ensinamos algo a alguém, aprendemos duas vezes.

5. Contribuir para o sucesso do negócio

O atendimento ao cliente é a alma de todo negócio. Estamos na linha de frente, o chamado “momento da verdade”, podemos não estar na reunião da diretoria, definindo as estratégias da organização, mas estamos com o cliente, entregando esta estratégia. Bons atendentes sabem que são fundamentais para o sucesso da empresa, e suas ações são sempre buscando fidelizar os clientes, pois sabem que assim se tornam mais valiosos também.

6. Construir seu futuro, hoje

O maior benefício de um bom atendimento para o atendente, é ter em mente que cada atendimento é um investimento em seu futuro. Não importa qual seja o modelo e cultura de gestão da empresa que você trabalha hoje (boa ou ruim, que valoriza o cliente ou não, que reconhece o funcionário ou não), o bom atendimento sempre será uma experiencia sua, a capacidade de ser bom depende da prática diária, e bons atendentes se esforçam para garantir isso. Se a empresa for boa, você fará carreira nela. Se a empresa for ruim, fará carreira em outro lugar, e saberá fazer a coisa certa, será bom no que faz e terá sucesso, sempre.

Então se você é atendente, tenha certeza de uma coisa: cada atendimento vale muito para a empresa, mas principalmente para você. Ao escolher se dedicar para fidelizar um cliente, a empresa ganha, mas você ganha mais. Você se faz valioso para a organização, você se torna hábil em encantar clientes e resolver problemas complexos com agilidade. O cliente pede por você, e só você.

Então faça acontecer, dedique-se, estude, pratique.
Sucesso!

Por: Cleiton Carlos

Formado em Psicologia pela UNIVALI e pós-graduado no MBA em Desenvolvimento Humano e Psicologia Positiva pelo IPOG. Atuou por 10 anos no Beto Carrero World nas áreas de atendimento, liderança e recursos humanos. Consultor / palestrante parceiro em Vilon Desenvolvimento Criativo e Silvana Fioravanti Serviços em Treinamentos Empresariais. Fundador da CM Desenvolvimento Humano.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of