Artigos

O Milagre Da Potencialização


“Como pois interpretar, o que os heróis não contam? Como vencer o oceano, se é livre a navegação, mas proibido fazer barcos?”. 

Existe uma angustia, comum a todos, nas palavras de Carlos Drummond de Andrade. Como vencer, se somos liberados, porém limitados? 

Todos temos pontos fortes e fracos em tudo que fazemos. O que erradamente algumas pessoas fazem é tentar, por toda uma vida, corrigir apenas os pontos fracos, quando o que realmente é necessário é potencializar os pontos fortes.

Potencializar é mais do que somar ao seu currículo. É mais do que subtrair defeitos. É mais do que dividir seus sonhos. É mais do que simplesmente multiplicar algo. Potencializar é vencer com aquilo que você têm. Focar seu talento natural e dirigir seus esforços aonde você encontra prazer.

Certamemente você já ouvio ou leu na bíblia o “milagre da multiplicação de pães e peixes”? O que foi apresentado nesta conhecida passagem é que Jesus, um consultor renomado da época, estava em franca campanha de sua missão pessoal, quando seus discipulos apresentaram, um problema e sua visão de solução. Eles disseram: “O lugar é deserto, e a hora é já passada; despede as multidões, para que vão às aldeias, e comprem o que comer.” Sua visão do problema era correta. Como alimentar milhares de pessoas que acompanham Jesus naqueles dias? Apenas a visão de solução era desinteressante, simplesmente porque transferir para a multidão o problema não resolveria o problema. Então Jesus disse: “Não precisam ir embora; dai-lhes vós de comer.” e eles responderam, “não temos nada, senão 5 pães e 3 peixes…”.

Pois então, potencializar é exatamente isso, trabalhar com aquilo que temos hoje. Todos sabemos que aconteceu naquele dia um grande milagre, pois com apenas 5 pães e 3 peixes, foram alimentados cinco mil homens, sem contar mulheres e crianças. 

Incrível, mas você talvez esteja desacreditado, de como aplicar esta idéia. Podemos então usar o exemplo de uma atleta da ginastica olimpica, a Daiane dos Santos. 

O que ela faz também é incrível. Ela consegue dar um salto mais de duas vezes o seu tamanho! Experimente você fazer isso, para reconhecer o potencial desta menina. Mas como ela adquiriu este feito? Tenho certeza que ela não saiu pulando mais de dois metros de um dia para noite? Não. Aconteceu um processo de desenvolvimento do potencial. Primeiro foi revelado um potencial, depois ela foi treinada, acompanhada e então participou de competições. Acredito que ela tenha encontrado dentro de sí, uma vocação para aquilo que fazia, prazer, faciliade e então focou sua vida nesta direção. O resultado todos sabemos, pois ela tem o reconhecimento mundial em sua categoria olímpica.

Talvez, ainda isso não seja suficiente para entender o que é o milagre da potencialização. Então gostaria de apresentar a história de Hellen Keller (1880-1968), uma mulher extraordinária, cega, surda e muda, desde bebê, que nos chama a atenção para a apreciação do potencial dos nossos sentidos. Apenas de posse do sentido do tato e uma perseverança inigualável, sob orientação de Anne Sulivan Macy, Keller pôde aprender a ler e escrever pelo método Braille, chegando mesmo a falar, por imitação das vibrações da garganta de sua preceptora, as quais captava com as pontas dos dedos. O esforço de sua mente em procurar se comunicar com o exterior teve como resultado o afloramento do seu potencial, revelando uma inteligência excepcional, considerada a maior vitória idividual da história da educação. Com isso ela conseguiu ser uma educadora, escritora e advogada de cegos. Tinha muita ambição e grande poder de realização. Ao lado de Sullivan, percorreu vários países do mundo, promovendo campanhas para melhorar a situação dos deficiêntes visuais e auditivos. Em um de seus escritos, ela diz: “Várias vezes pensei que seria uma benção se todo ser humano, de repente, ficasse cego e surdo por alguns dias no princípio de sua vida adulta. As trevas o fariam apreciar mais a visão e o silêncio lhe ensinaria as alegrias do som”.

Não contribua você também para os cemitérios, que ao meu ver, são os lugares mais ricos do mundo. Pois sob a terra estão pessoas que nunca utilizaram seu potencial. Moreram administradores, sem nunca exercerem; escritores, sem nunca publicarem um artigo se quer; cientistas que não foram cientistas; educadores que morreram analfabetos. Havia neles o potencial, mas não deixaram que este potencial se expandisse do seu interior.

Com isso levo uma lição, que para vencer é preciso trabalhar em equipe, dividindo méritos e deméritos, conquistando a cada dia o impossível, sentindo orgulho e determinação, não sendo mais necessário competir com os outros e sim derrotar os seus inimigos interiores. É a própria realização do ser, o milagre da potencialização.

——————————————————————————–

* André Nunes, Vivência de 13 anos na área comercial de empresas de telecomunicações, Internet e informática; Graduado em administração e eletroeletrônica, Coach de vendedores de alta performance; Responsável pelo PDP (Programa de Desenvolvimento do Potencial), que a partir de uma visão holística, trabalha com Desenvolvimento do Comportamento, Auto-conhecimento, Disciplina, Comunicação Total, para atingir a felicidade como base do sucesso.

Por:

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of