Artigos

Ouvidos Atentos: A Importância De Uma Escuta Ativa.

No meu dia-a-dia vejo as pessoas com medo de uma conversa franca e sincera, roendo as unhas por causa de uma reunião, se descabelando quando o chefe diz aquela frase: “- Fulano você pode vir aqui na minha sala, por favor.”, para excelência profissional e contínuo autodesenvolvimento.

Eu costumo dizer que ouvidos atentos é a melhor ferramenta para se tornar uma pessoa cada vez mais “pronta”, aí sempre que uso ou leio, e principalmente quando ouço uma palavra tão forte como essa, fico ainda mais atento. Se existe algo de perigoso em especial no trabalhador, é o pronto, na nossa vida profissional (assim como na pessoal) nós nascemos não prontos e nos construímos com cada experiência, é nascer não pronto e ir se fazendo.

Então minha máxima é ficar atento às críticas e as suas certezas, pois se você costuma ouvir poucas é que você está muito perto de se tornar estagnado ou pior desistiram de você, e meu amigo estar estagnado dentro de suas profissões ou ser pouco querido é estar “morto”, e aí sim, pronto!

Li recentemente esta frase, que se encaixa perfeitamente ao que estou querendo elucidar:

“O mal de quase todos nós é que preferimos ser arruinados pelo elogio a sermos salvos pela crítica.”

Ao fazer o bom uso da crítica, extraindo o que há de melhor nas observações, podemos fazer até das famosas fofocas de corredor, tão presente no ambiente coorporativo, um ótimo material para nossa evolução. Não estou abordando os comentários maldosos e mal intencionados, mas até deles podemos tirar uma lição, como você sabe, o mais informado é o mais bem preparado.

A escuta ativa mais do que gerar uma reflexão do que foi ouvido, deve originar uma nova ação. Faça o exercício de buscar informações sobre si, questione alguém que lhe conheça bem, O que você sabe sobre mim, que acredita que eu não sei?
Escute, aceite e agradeça. Tire uma lição daquilo que ouvir, entenda a intenção positiva daquela comunicação, se conseguir, com certeza você estará um passo a frente dos que simplesmente nunca ouvem. E quantas vezes em nossas vidas sentimos que ao conversar com outra pessoa, aquilo não passa de dois monólogos recitados ao mesmo tempo.

Ouça com qualidade.

Leonardo Amorim

Consultor de Recursos Humanos na HEACH Brasil, USA and Latin America e IEL-ES (Sistema FINDES). Com experiência em aplicação de ferramentas de Gestão de Pessoas. Professional Coach pela Academia Brasileira de Coaching, certificado pela Behavioral Coaching Institute (BCI).
Practitioner em Programação Neurolinguística pelo IBEPP.

Email: leonardoamorim.rh@gmail.com

Por:

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of