Artigos

Para Que Serve O Fluxo De Caixa?

A
importância do fluxo de caixa vai além do simples demonstrativo de
entrada e saída de recursos num dado período.

 

O
fluxo de caixa quando bem gerenciado contribui para salvaguardar a imagem
da empresa, do empresário e a sobrevivência do negócio.

 

Um
cliente me fez a seguinte observação: o fluxo de caixa só é
interessante quando não se está no vermelho. Muito pelo contrário! O
fluxo de caixa é extraordinário instrumento de apoio de gestão,
principalmente, quando se está no vermelho. Em qualquer circunstância é
imperioso que o empresário tenha indicadores de desempenho do seu negócio,
por que do contrário é como se pilotasse um veículo no escuro sem os
instrumentos indicadores de temperatura, combustível, nível de óleo do
motor e do freio, etc. Ficará a todo o momento sujeito às surpresas
desagradáveis ou a acidentes fatais. O fluxo de caixa é um instrumento
imprescindível à segurança e a imagem da empresa, por que possibilita o
conhecimento da real capacidade da empresa cumprir seus compromissos no
período coberto pelo fluxo de caixa. Quando, por circunstância
imprevistas e independentes da vontade do empresário ou do profissional
encarregado das finanças, ocorrer uma falta de recursos, dará tempo para
negociar com nossos credores, de forma franca e objetiva, de maneira 
a causar-lhe  o menor transtorno possível. Avisado a tempo o credor
poderá reorganizar seu caixa e manter a credibilidade na nossa
empresa.Fator essencial para a obtenção de créditos futuros.

 

Recomendamos
que a pequena e média empresa faça seu fluxo de caixa para um período
de, no mínimo, quatro meses, revisadando-o semanalmente.

O empresário e o
executivo financeiro terão mais chances de sucesso na administração do
fluxo de caixa se eles envolverem todos os colaboradores, uma vez que
todos consumem recursos da empresa: luz e força, água, materiais de
escritório, matérias-primas, materiais de uso diversos, etc. sem falar
no mais importante recurso o tempo.  É preciso mostrar a todos que
tudo isso é dinheiro, que está na forma de recursos para que possam
trabalhar e produzir bens e serviços que contribuirão para a geração
de novos recursos para pagar o que foi consumido e gerar lucro para manter
o empreendimento e os empregos.  A administração do caixa não se
faz quando a conta chega, mas na sua origem: o quê e o porquê se gasta e
o porquê se precisa adquirir este e não aquele material, por que agora e
não depois, quando o caixa comportar pagar sem sobressaltos novos
compromissos. Todas as ações e todos os desembolsos devem está alinhado
com a sobrevivência da empresa, com sua segurança e com seu
desenvolvimento.

Publicada por: Jansen de
Queiroz Ferreira

Por:

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of