Artigos

Procura-se Idéias





Nova pagina 1

Onde
estão suas idéias?

 

Dos
programas de
sugestões aos
sistemas de idéias,
das equipes
multidisciplinares
aos
empreendedores
corporativos, as
empresas não
param de criar
formas de obter
idéias de seus
colaboradores.
Faz sentido:
elas são necessárias
para reduzir
custos, para
trazer soluções,
para inovar.

 

E
você sabe o
quanto será
valorizado se
oferecer boas
propostas.

 

Mas
talvez você
ignore como
obter essas idéias.
Em meu trabalho
com criatividade
e inovação,
reuni algumas
diretrizes que
podem ajudá-lo
em sua busca.
Aproveite!

 

Olhe
para dentro
Preste atenção
aos detalhes

– Eles tendem
a passar
desapercebidos,
mas são
preciosos,
principalmente
quando buscamos
melhorias e redução
de custos. Veja
um bom exemplo
de uma companhia
aérea: ela
suspendeu o
Martini durante
os vôos
matinais ao
perceber que
poucos
passageiros o
pediam nesse horário.
Foram
eliminadas,
portanto, as
azeitonas, que,
além de perecíveis,
exigiam um espaço
extra na
geladeira.
Parece pouco, e,
de fato, é, mas
gera uma
economia de milhões
de dólares em
um ano.

 

Conheça
melhor o seu negócio

– No livro
Ideas Are Free
(Idéias são de
graça, tradução
livre), os
consultores
norte-americanos
Alan Robinson e
Dean Schroeder dão
um belo exemplo
de como funcionários
de uma instituição
para pessoas
idosas tiveram
boas idéias
para atender os
residentes
depois de
estudarem sobre
o Mal de
Alzheimer. Os
portadores dessa
doença costumam
perambular sem
destino e – no
caso citado –
acabavam indo
para a cozinha
ou lavanderia,
lugares
potencialmente
perigosos para
eles. Ao
descobrir que
esses pacientes
evitam pisos
escuros, pois os
confundem com
buracos, os
atendentes
optaram por
pintar o chão
de preto nas áreas
onde os
pacientes não
deviam entrar.

 

Assim,
estude,
pesquise, saiba
mais, muito mais
do que o seu
know-how específico.

 

Pesquise
problemas

– Problemas são
fáceis de
detectar, pois
eles estão à
mostra.
Entretanto, para
criar soluções
é preciso vê-los
com um espírito
construtivo, com
vontade de
resolvê-los.
Como os
problemas tendem
a afetar muita
gente, todos serão
gratos.

 

Olhe
para fora
Observe as exceções

– É bem provável
que por trás de
uma exceção
haja um problema
a ser evitado ou
uma oportunidade
a ser
aproveitada. Por
exemplo, uma
solicitação
diferente de
algum cliente
pode indicar um
novo nicho de
mercado.

 

Busque
idéias em
outros universos

– Quantas boas
idéias, quantas
inovações de
fato lucrativas
se podem ter
trazendo idéias
já consagradas
de outros
segmentos? A
Springer
Carrier, por
exemplo, inovou
sua estratégia
de marketing
trazendo do
mundo da decoração
a idéia do
show-room .

 

Consulte
outras pessoas

– Para um bebê,
ver seu pai sair
voando é tão
natural como vê-lo
acender a luz.
Pessoas não
oriundas do seu
ramo de
atividade não
sabem o que é
possível ou não.
Assim, podem dar
sugestões
novas,
questionar
velhos
paradigmas ou
dar idéias de
fato inexeqüíveis,
mas que contêm
partes que podem
ser
aproveitadas.

 

Ouça
os clientes

– Nem sempre
eles darão idéias
prontas, mas com
certeza darão
muitos indícios
sobre suas
necessidades.
Esteja atento.

 

Ter
idéias não é
difícil, nem
toma tempo.
Basta acreditar
no seu potencial
e estar alerta

Publicada por: Gisela Kassoy

Por:

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of