Artigos

Produtividade no trabalho: o que é, indicadores e como melhorar

produtividade no trabalho

Saiba como aumentar a produtividade no trabalho e quais indicadores podem ser usados para isso.

Toda empresa deseja desenvolver e entregar produtos ou serviços no menor tempo possível, não é mesmo? Por isso, é muito comum que gestores e profissionais busquem ações estratégicas para aumentar a produtividade de seus processos. Entretanto, essa otimização não acontece da noite para o dia. É preciso mensurar dados e criar uma boa estrutura de atuação.

Nova call to action

Da mesma forma que as organizações estão em busca de otimizar suas operações e aumentar a produtividade no trabalho, há uma busca constante por indicadores de produtividade. Esses indicativos servem para avaliar os setores da empresa e seus processos, apontando as práticas de maior e menor impacto.

Quer saber mais sobre como aumentar a produtividade no trabalho e como esses indicadores podem te ajudar? Continue a leitura e fique por dentro do assunto.

O que de fato é produtividade?

Inicialmente, a ideia de produtividade esteve relacionada ao desempenho de profissionais em fábricas e indústrias, onde a quantidade de itens produzidos dependia diretamente do ritmo e atividade de cada colaborador. Atualmente, os índices de produtividade passam por interpretações mais complexas, separados por capacidade produtiva de cada colaborador, máquina, setor ou equipe, por exemplo. Em outras palavras, diversos fatores podem ser usados para definir a produtividade de uma empresa ou processo.

Atualmente, em fábricas de software, por exemplo, indicadores de produtividade são fundamentais para nortear os líderes sobre prazos, melhorias, customizações, e até mesmo para verificar a necessidade de contratar novos desenvolvedores. Ou seja, avaliar esses dados é fundamental para o sucesso de qualquer equipe ou organização.

Com isso, em um mercado cada vez mais competitivo, não basta olhar para o produto final ou para a qualidade do serviço prestado. Para obter sucesso, se destacar em relação aos concorrentes e reduzir custos operacionais, é preciso ser produtivo e para isso olhar para todo o processo. Nesse contexto, entendemos a importância dos indicadores.

O que são indicadores?

Indo direto ao ponto, indicadores são dados que permitem analisar a performance e os resultados de cada área ou setor da empresa. Esses indicadores também são importantes para fundamentar a tomada de decisões estratégicas e planejamentos.

Os indicadores mostram em dados a situação atual de um departamento ou negócio, de modo geral. Por meio deles, é possível identificar fatos internos e externos que impactam nos resultados. Ou seja, são essenciais para os gestores saberem quais processos e tarefas precisam de mudança.

Então, para saber se uma estratégia está funcionando ou se será necessário dar um novo rumo ao negócio, é preciso trabalhar com indicadores precisos e atualizados para sustentar qualquer tomada de decisão ou otimização.

Principais indicadores

Para que você obtenha sucesso com a análise de seus resultados, é importante definir quais indicadores de desempenho são mais adequados com seus processos e modelo de negócio. Selecionamos alguns dos principais indicadores utilizados no mercado. Veja:

Indicador de qualidade

Não adianta aumentar a produtividade e perder em qualidade, não é mesmo? Por isso, o indicador de qualidade é importante.

Qualidade do processo: é como esse indicativo que você analisa as tarefas executadas durante os processos, se existem irregularidades e qual é a forma ideal de desenvolvê-las.

Qualidade de produtos ou serviços: traz informações fundamentais para identificar o quanto o negócio soluciona dores do cliente. Essa análise é feita desde a durabilidade até o atendimento. Nesse ponto, é viável realizar pesquisas com os clientes e parceiros para obter esses dados.

Indicador de produtividade

Esse indicador, como o próprio nome sugere, mede a eficiência e a agilidade do processo de produção, considerando alguns fatores, como os custos de produção e operação da empresa, quantidade de profissionais ocupados em tarefas que trazem resultado e o faturamento.

Indicadores de desempenho do time

O desempenho do time é um dos indicadores que mais impactam os outros. Ele é essencial para auxiliar a equipe em relação a sua produtividade e harmonia. Nesse indicador, é analisado:

  • conhecimento do time em relação às tarefas (o que mostra o gestor a necessidade de realizar treinamentos ou contar com novos profissionais, como recrutar desenvolvedores para o setor de TI, por exemplo);
  • comprometimento do profissional em relação aos objetivos da empresa.

Indicadores financeiros

Por fim, o indicador relacionado às finanças, um dos mais essenciais para a saúde do negócio. A partir dessa métrica, pode ser analisado o cenário geral da organização e o quanto seus processos estão correntes em relação à estratégia. Esse indicador é composto por:

  • controle de custos fixos;
  • índice de inadimplência;
  • cálculo bruto;
  • valor de faturamento em determinado período; entre outros.

Com o apoio de indicadores reais e precisos, o gestor terá um panorama mais completo sobre a situação da empresa e terá uma base de dados sólida para otimizar seus processos e impulsionar seus resultados.

Quando se tem indicadores, fica mais fácil aumentar a produtividade e pensar em uma solução mais eficiente e inovadora.

0 0 votes
Article Rating

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments