Artigos

Qual faculdade escolher para trabalhar com Recursos Humanos?

Psicologia, Gestão de Recursos Humanos e Psicologia são os três cursos são os mais indicados para trabalhar na área

O setor de recursos humanos sempre continua em alta nas empresas, não importa quanto tempo passe e quantas mudanças no mercado a gente enxerga. É bem fácil entender, o RH cuida do ativo mais importante para a empresa, o capital humano! Ele é o responsável pelos funcionários, aqueles que vão trazer o lucro para a companhia. 

O mercado de RH, então, continua aquecido, com muitas contratações e criação de postos de trabalho. É uma grande alternativa viável e sólida para quem quiser entrar nesse mundo. Entretanto, qual curso fazer? São três opções que surgem como destaque, nesse momento: Gestão de RH, Administração e Psicologia. Qual o melhor? Ao longo deste texto, vamos tentar decifrar isso. Confira!

Nova call to action

Como está o mercado para a área de recursos humanos?

Podemos definir como duas funções principais na atuação do RH: analista de recursos humanos e agente de recrutamento e seleção. As definições são feitas pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged)

Essas foram os dados de 2020, entre janeiro e outubro, segundo o informado pelo Caged:

Situação de Analista de Recursos Humanos no mercado de trabalho, em 2020

  • Salário médio das contratações: R$ 3747,65;
  • Profissionais contratados: 15.156;
  • Profissionais demitidos: 14.794;
  • Saldo entre contratações e demissões no período: 362.

Situação de Agente de Recrutamento e Seleção no mercado de trabalho, em 2020

  • Salário médio das contratações: R$ 3986,86;
  • Profissionais contratados: 781;
  • Profissionais demitidos: 864;
  • Saldo entre contratações e demissões no período: – 83.

O volume de contratações para Analista de Recursos Humanos ainda está bem positivo, mesmo no período da pandemia. O salário médio também aumentou em relação a 2019, que tinha sido de R$ 3.560,07. Dessa maneira, é possível afirmar que o mercado continua positivo, neste momento. 

Já falando do Agente de Recrutamento e Seleção, a situação fica um pouco mais complicada. A ocupação viu postos de trabalho serem fechados (83), com as demissões superando as admissões. É bem possível de entender, já que entramos em um período de crise econômica, que, passado tudo isso, deve retomar o ritmo. 

Por que o profissional de Recursos Humanos deve escolher Psicologia?

Entre os cursos para trabalhar no time de Recursos Humanos, um dos que pode parecer mais indicado é o de Psicologia. Pensando na atuação empresarial, o psicólogo pode acabar trabalhando na parte cultural e organizacional de uma empresa, já que a sua formação é ligada diretamente no relacionamento interpessoal, humanista e analítico. 

Durante a graduação, o profissional aprende a lidar com o desenvolvimento emocional e os processos mentais e sociais de indivíduos, grupos e instituições. Dessa maneira, há a base para conseguir trabalhar com a evolução profissional e entender tudo que o colaborador precisa para conseguir produzir mais

Por conta da ligação direta na comunicação e no desenvolvimento pessoal do indivíduo pensando no crescimento humano, o curso pode ser uma boa escolha. 

Por que o profissional de Recursos Humanos deve escolher Administração?

Administração é um dos cursos mais populares do Brasil e o administrador vai aprender a lidar com os processos do dia a dia de uma organização, gerenciando os recursos a fim de aumentar a competitividade perante um cenário global. 

Assim, ele consegue implementar projetos de desempenho organizacional. Por aprender a mexer com o interior da empresa, sabendo lidar com os diversos setores, o curso de administração pode ser bem interessante. 

Entender muito bem as rotinas administrativas empresariais vai ser essencial para conseguir aumentar a produtividade do profissional.

Por que o profissional de Recursos Humanos deve escolher Gestão de RH?

O curso de Gestão de RH, por ser muito mais focado e tendo um direcionamento claro para a atuação profissional, pode acabar ajudando nos meandros da profissão. Ele trabalhará diretamente com os trabalhadores das empresas, fazendo recrutamento e seleção, criando planos de benefícios e melhorando o clima cultural e organizacional da empresa. 

A vantagem do curso de Gestão de RH é que, por ser na modalidade de tecnólogo, ele terá apenas 2 anos de duração. Dessa maneira, o estudante consegue facilmente se inserir no mercado de trabalho.

Enfim, o que eu devo escolher?

A resposta dessa pergunta está longe de ser simples. Está bem relacionado com o foco da atuação que quer dar na carreira e como pretende seguir.

Se quiser trabalhar com as questões gerenciais da empresa, lidando bastante com a burocracia do dia a dia, possivelmente, é melhor escolher o curso de Administração. Ele dará uma base bem grande nesse sentido, aprendendo a construir rotinas administrativas mais efetivas.

Se o aluno quiser trabalhar mais nas questões humanas do dia a dia do trabalho, pensando no desenvolvimento humano, na comunicação interpessoal do indivíduo e do funcionário, a melhor pedida é o curso de Psicologia. Assim, com a formação humanística, o aluno consegue lidar melhor com sentimentos, reações e emoções dos colaboradores.

Mas se o objetivo é mesclar os dois, um pouco de crescimento humano não deixando de lado a papelada, pode ser ideal escolher Gestão de RH. Ele consegue isso com pouco investimento, pouco tempo de estudo e se prepara mais rápido para o mercado de trabalho. Não se transforma em um especialista em nenhuma das áreas, mas, ainda assim, tem um bom panorama delas. 

Outra maneira que o profissional pode acabar trabalhando com recursos humanos é realizar uma graduação tradicional em qualquer área e fazer uma pós, MBA ou especialização em RH. Isso junta o conhecimento adquirido anteriormente com o específico da área. 

Por fim, para conseguir realizar os cursos, os principais programas do governo (Sisu, Prouni e Fies) podem ser uma alternativa. Para participar deles, o estudante precisa realizar o Exame Nacional do  Ensino Médio, utilizar a nota e se candidatar a eles. 

Vestibulares privados, como Vestibular Premiado (que dá 100% de desconto em mensalidades para os melhores colocados), são outra alternativa. Outra forma é utilizar benefícios de bolsas de estudo em plataformas privadas, que chegam a oferecer bons descontos.

 

4 3 votes
Article Rating

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments