logo svg rh portal
Pesquisar
Close this search box.
Início > RH na Prática > RH estratégico: o que é, qual a importância e como implementar?

Sumário

RH estratégico: o que é, qual a importância e como implementar?

Descubra como as estratégias de Recursos Humanos são essenciais para o sucesso de empresas e colaboradores!

É sabido que, com o passar dos anos, as novidades vão surgindo e novas tendências vão ganhando mais visibilidade, vão sendo mais conhecidas e sobretudo, sendo mais utilizadas, consequentemente. Ou seja, assim como os softwares e programas tecnológicos, vão sofrendo atualizações, conhecidas como UPGRADE, para melhorar os serviços, é o caso das mudanças nas tendências da área de Recursos Humanos: o RH estratégico!

Pensando nisso, não podemos nos esquecer do potencial de ganhos que o RH tem a promover quando se envolve nas questões mais estratégicas do negócio. Então, que tal se aprofundar no assunto? Continue a leitura e confira!

O que é RH estratégico?

Para simplificar, sem muitas delongas, o RH estratégico, nada mais é que um termo utilizado pela área de RH, pela qual, atua de forma estratégica, em conjunto com outras áreas.

E essa atuação de forma estratégica, diferentemente do RH tradicional, exerce menos atividades administrativas e burocráticas, atuando mais na retenção de talentos, planos estratégicos de avaliação de desempenho, planos de treinamento e desenvolvimento, planos estratégicos de capacitação de seus colaboradores, elaboração de planos de cargos e salários.

Além do endormarketing, integração entre os colaboradores, utilizando de softwares desenvolvidos para contribuir com a melhoria dos processos dos subsistemas de RH e entre outros fatores. Na verdade, o RH Estratégico vai muito além do que esses pontos destacados, apenas, resumi ao máximo possível sobre o que é.

O que faz o RH estratégico?

O RH estratégico vai além de tarefas operacionais, focando em alinhar as práticas de gestão de pessoas aos objetivos da empresa. Ele envolve a formulação e implementação de estratégias para desenvolvimento de talentos, gestão da cultura organizacional, planejamento de sucessão e contribuição direta para o sucesso global da organização.

Quais os pilares do RH estratégico?

Sem dúvida, existem muitas estratégias de RH. Mas, entre os pilares de contar com este tipo de Recursos Humanos estão fatores como:

como estruturar o seu RH do zero
  • Alinhamento com negócios;
  • Desenvolvimento de talentos;
  • Gestão de desempenho;
  • Cultura organizacional;
  • Análise de dados;
  • Liderança e sucessão;
  • Engajamento dos funcionários;
  • Adaptação e inovação.

Quais são as principais características de um RH estratégico?

De fato, um RH estratégico possui as seguintes características:

  • Alinhamento com objetivos empresariais: foca em integrar as práticas de RH com os objetivos e metas globais da organização;
  • Visão de Longo Prazo: adota uma abordagem de planejamento a longo prazo para o desenvolvimento e retenção de talentos;
  • Análise de Dados e Métricas: utiliza dados e métricas para embasar decisões e avaliar o impacto das estratégias de RH;
  • Desenvolvimento de liderança: investe na identificação e desenvolvimento de líderes para sustentar o crescimento organizacional;
  • Cultura organizacional: contribui ativamente para a promoção e sustentação de uma cultura corporativa positiva.

Além disso, é importante que o departamento tenha facilidade na adaptação a mudanças e trabalhe em colaboração com a gestão, para ter insights valiosos para tomadas de decisão.

Leia também:

Os passos para construir um RH estratégico

Chegou a hora de entender como implantar um RH estratégico. Portanto, o primeiro passo para um trabalho consistente é conhecer o negócio e o contexto no qual a empresa está inserida, ou seja, o mercado, as tendências e a concorrência. Mas há muitas outras etapas a serem cumpridas. Veja algumas delas:

Analisar os recursos disponíveis

É essencial analisar os recursos disponíveis — técnicos, financeiros e humanos — para que o planejamento esteja fundamentando em possibilidades reais e desta maneira, as metas também serão factíveis.

Definir prioridades

A definição de prioridades é mais uma tarefa importante do RH estratégico. Neste caso, é preciso avaliar todas as demandas, necessidades e urgências da empresa, de modo a alocar corretamente os recursos estudados previamente.

Conhecer a equipe

Para ser um RH estratégico, é importante conhecer cada membro da equipe, as aptidões, preferências e fraquezas, para então elaborar um plano de desenvolvimento individual, de modo a aprimorar habilidades e potencializar competências.

Além disso, essa iniciativa permite uma delegação mais produtiva, através da meritocracia e do desempenho dos profissionais. Ainda é possível definir papéis, identificar talentos e novas lideranças e também desenhar o plano de sucessão da empresa.

Planejar o desenvolvimento e a preparação

Neste mesmo sentido, o RH estratégico desenvolve programas eficientes de treinamento e preparação de colaboradores e líderes. Para isso, considera conhecimentos técnicos e competências comportamentais e planeja ações constantes, de modo que o conteúdo aprendido possa ser realmente absorvido e aplicado no dia a dia.

Reforçar a capacidade de adaptação

profissional de RH estratégico

A capacidade de adaptação e a própria flexibilidade estão relacionadas as possíveis mudanças no negócio a curto, médio e longo prazos. Um RH estratégico deve estar pronto para administrar essas mudanças, sejam elas decorrentes da exploração de novos nichos de mercado, de alterações na legislação, de novas tecnologias ou do comportamento dos consumidores. Assim, é preciso contar com processos eficientes e padronizados, além de uma equipe atenta, proativa e engajada.

Adotar sistemas de gestão

Um RH estratégico precisa manter o foco em tarefas verdadeiramente relevantes e para tanto, deve utilizar soluções tecnológicas para automatizar atividades operacionais. Os sistemas de gestão são ótimos aliados, pois facilitam a rotina, centralizam informações e permitem uma análise mais efetiva dos dados e dos indicadores.

Investir em soluções tecnológicas

Com um software para RH, será muito mais fácil de você tornar o seu setor estratégico. Uma boa ferramenta te ajuda a automatizar as atividades, otimizando tempo e aumentando a produtividade; faz com que você organize o setor, diminuindo o número de papéis e arquivos, tendo tudo salvo em um só lugar e integra todo os processos de RH, como mapeamento comportamental, pesquisa de clima, avaliação de desempenho, recrutamento e seleção, engenharia de cargos e muitos outros.

Essa integração faz com que você gere inteligência de dados para o setor, conseguindo mensurar os resultados. Assim, você consegue apresentar informações mais claras, assertivas e estratégicas.

Aprenda mais em nosso curso Planejamento estratégico de RH. Aproveite o conteúdo gratuito e descubra como ter processos eficientes e bem definidos!

5 dicas para profissionais de RH terem sucesso em suas tarefas

Você sabia que os executivos querem líderes de RH que podem ser melhores parceiros de negócios?

Aqui estão cinco dicas de como os profissionais de RH podem ganhar respeito nas atividades estratégicas de suas empresas:

1. Obtenha treinamento formal em competências de negócios

Antes de começar a contribuir em um nível estratégico, você precisa entender como os negócios estratégicos funcionam.

Quando você tem treinamento em áreas como interpretação de dados, visão de negócios e liderança, você pode dar sugestões úteis e ponderadas.

Você sabia que 76% dos líderes empresariais dependem da colaboração para desenvolver as estratégias de seus negócios? E é aí que você pode intervir e mostrar o que sabe.

2. Conheça sua empresa por dentro e por fora

Os executivos precisam de membros da equipe que entendam as métricas do negócio, o modelo financeiro e os riscos organizacionais. Dependendo de quanto tempo você esteve na empresa, você provavelmente entende mais dessas coisas do que imagina.

Para cavar ainda mais fundo, dedique algum tempo experimentando o trabalho “na linha de frente” e faça perguntas sobre a história e realmente aprenda sobre os produtos. Um estudo recente (que durou 15 anos) revelou que os profissionais de RH que entendem os negócios são capazes de “unir a estratégia de negócios com o gerenciamento de talentos”.

Como uma nota secundária, concentrando-se nas primeiras esferas pode triplicar o valor de um negócio de RH estratégico para os tomadores de decisão da estratégia de negócios de uma empresa, mas também impactar uma estratégia de negócios em 38% .

3. Desenvolva métricas e análises

componentes importantes de RH

Aprenda métricas de negócios como lucro, margem, ROI e TSR, e você será muito importante para os líderes de negócios estratégicos. Mas, ao desenvolver suas próprias métricas de rotatividade, atitudes de funcionários, força de bancada e distribuições de desempenho e integrá-las em métricas de negócios, você terá uma compreensão inestimável de seu pessoal, bem como o interesse dos líderes que estão impulsionando o negócio.

Como 78% dos líderes de negócios estão usando dados para tomar decisões de estratégia de negócios, você se colocará em uma ótima posição.

4. Crie estratégias baseadas em dados

É importante avaliar as tendências emergentes e as melhores práticas de RH, mas as ações e políticas do profissional de RH devem sempre ser impulsionadas pelos dados.

Os dados podem impulsionar as apologias emergentes e transformar as oportunidades de negócios viáveis, tais como as estratégias de negócios atuais e os objetivos da organização.

5. Avalie a prontidão organizacional

Ao combinar as métricas de negócios e RH, você é capaz de obter recursos, mão de obra e suporte para implementar várias estratégias. De acordo com os dados Edward E. Lawler e John W. Boudreau, os profissionais de RH que realizam a efetiva são a maior parte dos exercícios e os executivos, uma vez que eles são obrigados a ter um melhor tipo de análise de RH nas metas e estratégias de negócios mais amplas.

Claro, você não pode negligenciar o básico. Você sabe que é capaz de fornecer insights estratégicos e trabalhar com líderes em áreas estratégicas, mas não se esqueça das responsabilidades administrativas e da conformidade com as regras, leis e regulamentos. Se eles não estiverem sob controle, as análises e avaliações pelas quais você trabalhou tão duro para serem notadas não serão gerenciadas e podem se tornar um obstáculo. Você deve continuar a inovar a administração básica enquanto fornece informações estratégicas para alcançar todo o seu potencial em RH.

Conclusão

Um RH estratégico é indispensável porque alinha as práticas de gestão de pessoas aos objetivos da empresa, impulsiona o desenvolvimento de talentos, promove uma cultura organizacional saudável e contribui diretamente para o sucesso a longo prazo, fornecendo insights valiosos para as decisões da liderança e adaptando-se às mudanças do ambiente de negócios.

Mas, quando falamos sobre o que é RH estratégico, é preciso citar que empresas com excelente desempenho devem ser inspirações para as ações de negócios que desejam crescer.  Aliás, algumas características diferenciam empresas de alta performance de empresas comuns, como:

  • Visão clara e inspiradora para o futuro;
  • Cultura permeada pela mentalidade de acreditar no futuro;
  • Toda empresa de alta performance tem três ou quatro valores em que os funcionários acreditam e que permeiam a cultura organizacional;
  • Os funcionários apresentam orgulho da empresa;
  • Respeito através de líderes inspiradores;
  • Relacionamento de longo prazo;
  • Métodos de diversão

Não deixe de colocar as dicas do nosso texto em prática. Elas irão aumentar a produtividade, deixar o setor mais organizado e melhorar os resultados. Desenvolver um RH estratégico gera benefícios não só para o seu setor, como para a empresa em geral. 

Continue de olho em nosso portal e leia outros artigos sobre Recursos Humanos!

desenvolvimento e treinamento de pessoas
CHRO Responsável pelos times de People, Analytics Performance, Facilities, Culture; Talent Acquisition; Compensation; Employer Branding, L&D e Engagement Mestre em Administração com ênfase em Marketing, Professora Universitária Pós-graduada em Gestão de Pessoas e Pós-graduada em Orientação de Carreiras Coach e Mentoring
Assine a nossa Newsletter