Artigos

Seu Currículo Te Comunica Ou Te Trumbica?

A maior necessidade do ser humano é a de se comunicar, porém muitas pessoas fazem isso de forma incorreta. Para começar nosso bate-papo, lembrando nosso querido Abelardo Barbosa, o Chacrinha, e sua célebre frase: “Quem não se comunica se trumbica”, quero te fazer uma pergunta: seu currículo te comunica ou te trumbica?

O objetivo do currículo é proporcionar o encontro da oportunidade de trabalho, oferecida pela empresa, com o(a) profissional melhor preparado(a) para ocupá-la. Como fatores desta preparação, podemos citar a necessidade de um conjunto de competências: técnicas (saber fazer/know how) e comportamentais (querer fazer). Vejo diversos candidato(a)s à procura de emprego, o(a)s quais podem até ser profissionais competentes, mas o currículo não comunica isto, e acabam perdendo oportunidades. Com relação às competências técnicas, percebo aquelas pessoas que fazem cursos de áreas completamente distintas, como de gastronomia à mecânica, e colocam todos no currículo, para fazer volume ou por falta de uma orientação mesmo. Além disso, raramente vejo profissionais preocupados em aumentar a qualidade de suas competências comportamentais, por meio de cursos de inteligência emocional, liderança, relacionamento interpessoal e diversos outros. Temos pesquisas que mostram que os profissionais hoje são contratados por suas competências técnicas, mas dispensados pela ausência de competência comportamental, principalmente inteligência emocional.

Outro fator preocupante é sobre o objetivo do currículo, onde se deve colocar a área ou vaga desejada a se trabalhar (ex.: área administrativa ou assistente administrativo). Muitas vezes vejo currículos com ausência de objetivo (o que dificulta o selecionador saber qual atividade o(a) candidato(a) mais se identifica), ou encontro aqueles objetivos altamente poéticos, os quais considero mais uma declaração de amor à empresa do que um objetivo (ex.: Desenvolver meu potencial com ética, tendo responsabilidade nas atividades quem a mim for dirigidas/confiadas, de modo a executá-las com eficiência para o cumprimento dos objetivos desta renomada Empresa). Não é bastante romântico? Pense comigo: com este objetivo o(a) profissional disse o que fazia de melhor ou em quê gostaria de trabalhar?

A comunicação nada mais é do que a ação de “tornar comum”, seja uma idéia, uma imagem ou algo desejado. Principalmente na era digital em que precisamos manter diversos canais de comunicação: e-mail, facebook, linkedin, twitter, messenger, entre outros, podemos estar nos trumbicando em vez de estarmos nos comunicando.

Por isso deixo aqui a minha dica: revise sempre o seu currículo, mantendo-o sempre atualizado, fazendo sempre cursos de aperfeiçoamento, buscando sempre ser cada vez melhor. E não se esqueça da palavra principal, que propositadamente foi repetida nas frases anteriores: SEMPRE!

Um grande abraço. Sucesso e Desenvolva-se!

Adm. Paulo Ramos

Graduado em Administração de Empresas – Faculdade Paraíso do Ceará-FAP

Registro Profissional CRA CE nº10075

Sócio-Diretor Administrativo da ADM Desenvolve Cursos e Treinamentos

Cursando Especialização em Docência no Ensino Superior na Faculdade Integradas de Patos – FIP

Cursando MBA em Educação Cognitiva: Gestão da Aprendizagem Mediada pela Univers. Gama Filho – UGF

Ministra Cursos Profissionalizantes e Palestras há 5 anos

Experiência Profissional na área de RH e Vendas

Estudante

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of