Artigos

TERCEIRIZAÇAO DA MATERNIDADE

Projeto VIK- Very Important Kids
Consultoria e Assessoria em Pediatria Preventiva
Investimento e Marketing Social Responsável

Considerações gerais

O termo “medicina de ponta” é geralmente associado às caras tecnologias de aparelhos como ressonância magnética, tomógrafo, ultra-som, além de “revolucionárias” técnicas e práticas invasivas para correção de várias doenças, muitas delas adquiridas e evitáveis. Não obstante, a outra “ponta” da medicina merece, pela sua importância, maior ênfase e divulgação.
Mais barata e eficiente, a chamada “medicina Preventiva”, vai além dos ambientes hospitalares, clínicas e consultórios.
NA faixa etária pediátrica (0-19 anos), os coeficientes de morbi – mortalidade têm um impacto extremamente nocivo e de alto custo para sociedade.
Com a inclusão da mulher no mercado e sua conseqüente responsabilidade na economia doméstica como um todo, a criação dos filhos tornou-se um grande desafio, gerando incertezas e inseguranças, independentemente da classe social.
Somos obrigados a delegar a terceiros, as funções educacionais, preventivas, sociais e muitas vezes até afetivas.
A grande questão desse paradigma da sociedade moderna é: a quem confiar tão importante tarefa?
A resposta merece uma ampla reflexão, estudo a ação.
Eis nosso desafio!

Proposta

Promover o investimento social de forma ética, nas esferas públicas, privadas e no terceiro setor, melhorando a imagem corporativa das instituições com marketing social responsável através de capacitação de indivíduos que atuem com a faixa etária pediátrica.

Justificativas

1. Ausência de projetos de qualificação de pessoas voltadas aos cuidados infantis (cuidadores).
2. Mercado de trabalho ávido e com grande demanda por profissionais diferenciados
3. Valorização e capacitação do profissional já inserido no mercado
4. Investimento e Marketing social visando à boa imagem institucional dos setores públicos, privados e terceiro setor.
5. Promoção de inclusão social qualificada
6. Responsabilidade social

Ações

1. Preventivas
2. Educativas

Público

Profissionais ou interessados em um conhecimento mais amplo com a finalidade de serem cuidadores, por exemplo:
Pais ou responsáveis, gestantes, babás, baby-sitters, profissionais de creches, berçários, pré-escolas ou qualquer ambiente relacionado aos cuidados infantis.

Metas
1. Qualificação e capacitação para o interessado em curto espaço de tempo
2. Criar novo e adequado conceito de cuidadores
3. Proporcionar segurança à faixa pediátrica e tranqüilidade aos responsáveis
4. Melhorar a auto-estima do profissional desqualificado, direcionando-o para um mercado específico.
5. Promoção de um programa de redução de danos à faixa etária pediátrica através de prevenção ativa
6. Redução da taxa de desemprego
7. Agregar valores (responsabilidade social) à marca organizacional

Assuntos abordados

– Universo dos Cuidadores e Universo das Crianças.
– Cuidados Básicos com Crianças nas diferentes faixas etárias
– Prevenção: Definição e aplicação da mesma em diferentes ambientes
– Suporte Básico de Vida (primeiros socorros) – teórico / prático
– Acidentes mais comuns na infância. O que fazer e o que não fazer.
– Sintomas mais comuns na infância – O que fazer e o que não fazer.

Metodologia

-6 Módulos de 2’30” hrs. de duração.
– Material apostilado.
– Pré e pós-teste.
– Aula prática de cuidados gerais e Suporte Básico de Vida com bonecos simuladores.
– Certificado de conclusão

Dr. Christian F. Galdino
Pediatra coordenador
crm 74157

Planilha de Conteúdo

Assuntos abordados – Descritivo

– Módulo I – Universo dos Cuidadores e Universo das Crianças.
Descreve e define o que é o cuidador, seus deveres, abordando os conhecimentos necessários e sentimentos em relação a decisão de trabalhar com crianças. Neste Módulo, também definimos a nomenclatura das faixas etárias das crianças e suas necessidades, desde o nascimento até a adolescência.
– Módulo II – Cuidados Básicos com Crianças nas diferentes faixas etárias
Descreve as necessidades básicas das crianças por faixa etária com maior aprofundamento nas técnicas desses cuidados (limpeza coto umbilical, amamentação, higienização, estímulo intelectual, etc.).
– Módulo III – Prevenção: Definição e aplicação da mesma em diferentes ambientes
Descreve e orienta o cuidador a ter uma observação preventiva mais refinada, tanto em relação à criança quanto ao ambiente e em diversas situações e locais (doméstico, escola, transporte, lazer) além de orientar a aplicação de prevenção com os diversos mecanismos disponíveis no mercado.
– Módulo IV – Suporte Básico de Vida (primeiros socorros) – teórico / prático
Aula teórica com ensinamento básico da fisiologia cárdio-pulmonar, técnica de identificação da parada cárdio–respiratória, técnicas de Abertura de Vias Aéreas, Respiração Boca-Boca, Massagem Cardíaca e desobstrução de vias aéreas (conforme American Heart Association-2005), além de treinamento prático dramatizado em bonecos simuladores.
– Módulo V – Acidentes mais comuns na infância. O que fazer e o que não fazer.
Descreve os acidentes mais comuns por faixa etária, com explicação minuciosa da cinética dos traumas, caracterização e identificação da gravidade das lesões. Orienta o cuidador a tomar medidas profiláticas e estabelece o fluxograma em casos de acidentes.
– Módulo VI – Sintomas mais comuns na infância – O que fazer e o que não fazer.
Define e orienta a interpretação dos sintomas mais comuns (perda de apetite, febre, tosse, vômito, dor abdominal, diarréia, convulsão, sangramento nasal, falta de ar, dor de cabeça, etc.),Orienta o cuidador sobre as medidas profiláticas e estabelece o fluxograma de ação .

_____________________________________ Dr. Christian Galdino -Pediatra Coordenador

Por:

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of