Artigos

Saiba o que fazer após ser demitido

Ouvir que estar demitido é bem difícil. Bate uma raiva misturada com tristeza, o desespero começa a tomar conta da cabeça. Algumas pessoas entram em depressão e outras já saem no dia seguinte à procura de outro emprego.

É… Ser demitido não é fácil e, para piorar a situação, muitas vezes os chefes não dão um feedback sobre a demissão, não falam o real motivo de você estar sendo desligado da empresa (mas você deve, sim, pedir um feedback e perguntar o porquê da demissão).

E você está desempregado, precisando urgentemente de um novo emprego para pagar suas contas, se sustentar e sustentar a família. E você está desempregado, currículos embaixo embaixo do braço, andando para lá e para cá. E você está desempregado. Dizendo para todos à sua volta que precisa trabalhar e que é para ser avisado caso surja alguma oportunidade.

Embora seja a demissão um momento difícil e de incerteza, você não deve no dia seguinte sair à procura de um novo emprego, não deve deixar se abater e, muito menos, desesperar-se. Aproveite a demissão para criar um novo ciclo profissional, um ciclo onde você pode ser um profissional muito melhor e engajado com a profissão.

Enquanto você está empregado e desempenhando as atividades em um determinado cargo, fica acomodado e vivendo só o seu emprego. Fica desatualizado, parado no tempo, sem adquirir novos conhecimentos, novas habilidades e competências. Você fica sem saber quais as novas tendências e as novidades do mercado de trabalho.

Veja o você pode fazer depois da demissão:

  •  Dê um tempo para si mesmo: Descanse, faça suas atividades favoritas, passe mais tempo com a família e com os amigos. Você precisa estar no novo ambiente de trabalho sem estresse e sem os vícios do antigo emprego. Precisa estar com a energia renovada.
  • Faça networking por afinidades: Crie, cultive e se engaje com pessoas de diferentes áreas através das afinidades. Você será mais facilmente lembrado pelas outras pessoas se tiver algo em comum com elas.
  • Se qualifique: Faça cursos que aprimorem suas habilidades e competências, e busque também aprender novas. Se engaje com profissionais de sua área de atuação e frequente eventos, feiras e lugares que tragam novos aprendizados.
  • Enriqueça o currículo: Faça trabalhos voluntários, aprenda novos idiomas, se qualifique e faça atividades que tenham a ver com sua área de atuação.
  • Esteja por dentro de novas tendências e novidades do mercado de trabalho: Acompanhe através do LinkedIn, beBee e sites especializados o que está acontecendo no mercado, mantenha-se atualizado e bem informado pelas revistas, jornais, telejornais, contate profissionais de sua área de atuação e pergunte sobre novas tecnologias envolvidas, novos estilos de trabalho e quais novas competências e habilidades exigidas no mercado de trabalho.
  • Adquira e invista nas habilidades comportamentais: Você deve se comportar conforme a etiqueta profissional exige no ambiente de trabalho, assim como deve alinhar comportamento e trabalho. Lembre-se que, embora esteja mudando aos poucos, os empregadores ainda contratam pela técnica e demitem pelo comportamento.
  • Pesquise sobre as empresas: Procure saber a história das empresas, os produtos, os serviços oferecidos e o tipo de atendimento. Procure saber também quais os valores, a missão e a visão e o código de ética e conduta. Se tiver também números na pesquisa será bem interessante.
  • Esteja preparado para as entrevistas de emprego: Esta preparação leva em consideração principalmente o psicológico e comportamento. Pensar positivo, ter autoconfiança, autoestima elevada, ser alegre, ter empatia, saber se comportar diante dos recrutadores e dos outros candidatos e falar somente a verdade e de forma agradável são alguns dos preparativos para ter uma ótima entrevista.

Como falar da demissão nas entrevistas:

Quando perguntado sobre como se deu a demissão e os seus reais motivos, não demonstre rancor, raiva ou tristeza. Isso reflete na resposta e você pode falar mais do que deveria.

Deve estar tranquilo, responder de maneira calma e somente a verdade. Caso não saiba os reais motivos que o levaram a demissão, não fique com achismos. Diga simplesmente que não sabe e relate o que o antigo empregador lhe disse.

Saber lidar bem com a demissão é necessário para o seu crescimento profissional.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of