Artigos

Vivendo No Piloto Automático

Já parou para pensar em como você é influenciado constantemente?
Muitas vezes compramos o que não precisamos, fazemos o que não gostamos, e isso de maneira automática, você só percebe depois que o fez.

Sabe porque isto acontece?

Porque com a correria do dia a dia, queremos atalhos, queremos praticidade, isso nos ajuda, porém, também nos faz realizar ações que podem nos prejudicar, seja financeiramente, profissionalmente ou pessoalmente. Muitas vezes seguimos conselhos que não deveríamos aceitar, seguimos pessoas que não deveríamos seguir, enfim, toda vez que agimos no piloto automático corremos o risco de não realizar o nosso melhor para aquela situação.
A vantagem dessa reação de atalho está em sua eficiência e economia. Ao reagir automaticamente a uma característica desencadeadora informativa, o indivíduo poupa tempo, energia e capacidade mental.
A desvantagem dessa reação reside em sua vulnerabilidade a erros tolos e custosos.
Ao reagir a apenas uma informação isolada disponível, o indivíduo aumenta as chances de se equivocar, sobretudo quando faz algo de forma automática, sem pensar.
A probabilidade de erro aumenta ainda mais quando outros indivíduos procuram se beneficiar estimulando (por meio da manipulação de características desencadeadoras) um comportamento desejado em momentos inapropriados

Os aproveitadores se utilizam cada vez mais de técnicas de vendas que te influenciam, mesmo que de maneira inconsciente, conhece a frase “o que é bom é caro”? Pois bem, você pode nunca ter pensado nisto, mas é uma técnica de venda utilizada a muito tempo.

Uma mulher que luta jiu-jítsu consegue empregar o mínimo de sua própria força contra um oponente.
Ela explora o poder de princípios naturais como gravidade, alavancagem, impulso e inércia. Sabendo como e quando envolver a ação desses princípios, é capaz de derrotar com facilidade um rival fisicamente mais forte.

O mesmo ocorre com os exploradores das armas de influência automática que existem à nossa volta.
Os aproveitadores podem se valer do poder dessas armas para usá-las contra seus alvos exercendo pouca força pessoal.
Este último aspecto do processo proporciona aos aproveitadores uma enorme vantagem adicional: a capacidade de manipular sem aparentar que está manipulando.
Mesmo as próprias vítimas tendem a ver seu consentimento como resultado da ação de forças naturais, e não da maquinação da pessoa que se beneficia dessa anuência

Se identificou com esta situação? Você pode mudar isto!

O processo de coaching pode te ajudar através do autoconhecimento, quando nos conhecemos melhor, temos maior domínio de nossas ações e maior segurança nas escolhas do dia a dia, tanto na vida pessoal, quanto profissional.

Deixe de viver no piloto automático e descubra o quão influente você pode ser na sua vida e na vida de outras pessoas, se conhecimento é poder, autoconhecimento é o SEU poder!

Quer fazer diferente? Ouse, conheça-se mais, invista no autoconhecimento, entre em contato via e-mail eduardo@coachvalerio.com.br e vá além!

Eduardo Valério

Coach formado pelo IBC, com foco na promoção do desenvolvimento e evolução das pessoas através do AUTOCONHECIMENTO.

www.coachvalerio.com.br

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of