Canal RH

Engenharia de cargos: saiba como fazer e aumentar a performance da empresa

Conheça nossas soluções: https://www.solides.com.br/ ______________________________________________________ ► Acesse conteúdos sobre gestão de pessoas, liderança, produtividade e muito mais em nosso blog: https://blog.solides.com.br ______________________________________________________ ► Inscreva-se no canal da Solides no Youtube: https://youtube.com/solidestecnologia ______________________________________________________ ► Acompanhe a Solides nas redes sociais: Facebook: https://facebook.com/solidestecnologia Instagram: https://instagram.com/solidestecnologia Linkedin: https://linkedin.com/company/solides-tecnologia%C2%AE/ Olá, meu nome é Camila Rocha, eu faço parte do time de Sucesso do Cliente aqui da Solides, e hoje eu vim falar com você sobre a engenharia de cargos, um processo extremamente importante para fazer uma análise efetiva de toda a estrutura organizacional. Hoje os líderes atribuem cada vez mais responsabilidade e mais relevância ao papel de cada colaborador dentro de uma organização, isso faz com que o conceito de cargo e funções estejam em constante evolução e adaptação, cada cargo carrega em si não só a responsabilidade por resultados individuais mas também a contribuição de um grupo, de uma equipe, para os objetivos finais de uma empresa. Por isso a partir do conhecimento aprofundado de cada tarefa, de cada exercício e de cada responsabilidade de um cargo, a gente consegue delimitar de maneira muito mais clara e objetiva as competências e habilidades necessárias para que um colaborador tenha uma performance realmente boaocupando aquela função. Esse processo permite que a gente norteie não só o nosso desenvolvimento e os nossos treinamentos, mas também que a gente olhe com mais criticidade para o nosso processo de recrutamento e seleção e até consiga desenvolver um plano de cargos e salários muito mais efetivo. Então vamos lá, para a gente fazer uma boa engenharia de cargos a gente pdoe pensar em alguns pontos chaves, o primeiro é que estamos descrevendo o cargo e não o seu ocupante, uma outra dica legal é pensar no cargo no presente e não no que ele pode vir a ser no futuro, isso é importante para que a gente tenha um censo de realidade do que realmente está sendo exercido e o que realmente está sendo feito por aquela função. Dividir as tarefas em ordem de importância e em ordem cronológica também é um processo que facilita a descrição de cargos. Sempre colocar no topo da descrição qual que é o processo mais feito qual que é a atividade mais importante que aquele cargo exerce. Uma outra dica legal é conseguir redigir de maneira clara e precisa todas essas tarefas e todo o escopo de atividades, isso para que qualquer outra pessoa seja capaz de entender o que aquele cargo realmente faz. Uma dica legal para fazer isso é usar frase objetiva, como o que, como, por que e quando essa pessoas faz o que ela faz. Esse trabalho de desenho de engenharia de cargos permite que a gente defina perfis ocupacionais e faça um acompanhamento do desenvolvimento dos colaboradores que ocupám aquela posição, para isso existem várias maneiras de descrever e desenhar um cargo, uma delas é traçando uma roda de competências comportamentais requeridas para que aquela pessoa performe bem nesse cargo, a gente pode fazer isso por exemplo via sistema utilizando competências opostas, fazendo uma calibragem satisfatória para nós que reflita toda aquela realidade que a gente estudou na descrição de cargos. Inclusive se você quiser conhecer um sistema que pode te oferecer essa solução, entre no nosso site o link tá aqui na descrição.