Eventos

19 maio
Atenção!
O evento anunciado abaixo é fornecido pela empresa: InterNews CEE, e de inteira responsabilidade desta.

Gestão De Crise Corporativa:estratégias De Enfrentamento Dedanos

Embora o risco de crise exista por atividades corporativas em qualquer setor da economia, poucas são as empresas ou outras instituições que efetivamente se previnem contra a ocorrência de crise ou mantêm planos de contingência e mitigação de danos. Em geral, apenas as indústrias de maior potencial de risco físico, como petroquímica e aeronáutica, dispõem de manuais detalhados e equipes treinadas para atender a incidentes e acidentes que possam surgir.

Além dos riscos óbvios, diretamente ligados à atividade fim, acrescenta-se hoje outro ingrediente de potencial explosivo para a imagem de qualquer empresa: as redes sociais. Por meio delas e de sua enorme capacidade de disseminação de informações, verdadeiras ou não, pode-se cristalizar um dano capaz de destruir anos de trabalho de marketing. Desmentir um boato maldoso viralizado é muito mais difícil que contê-lo em seu início.

Em geral as equipes de comunicação corporativa estão voltadas para o dia a dia da divulgação objetiva e pontual das ações de negócios. No entanto, quando se deflagra uma crise, a demora na reação adequada aumenta o prejuízo à imagem.

Participe deste Seminário InterNews para aprimorar a sua política de gestão de crise. Veja como adotar medidas eficazes de prevenção de danos à imagem. Saiba como preparar a sua empresa para enfrentar situações de crise e mitigar danos.

Programa

8h30 – Credenciamento

9h00 – A gestão de crise na prática

As mudanças necessárias na abordagem de crises corporativas diante do impacto dos escândalos mais recentes
Estratégias de prevenção e de enfrentamento
Mário Rosa
Consultor em Gestão de Crise. Autor dos livros “A Reputação na Velocidade do Pensamento”, “A Era do Escândalo” e “A Síndrome de Aquiles”. Jornalista, ex-repórter do Jornal Nacional e ex-editor da revista Veja.

10h30 – Coffee break

10h50 – Conceito de crise, acidente e incidente

O que se entende por acidente e incidente como fator para a gestão de crise.
A possibilidade de escalada da crise quando não se controla o incidente/acidente em seu início.
O erro de presumir que qualquer negócio e imagem estão a salvo de crises.
Mônica Medina
Diretora da Diferencial. Consultora de comunicação e estrategista para prevenção de crises e reputação. Graduada em Comunicação Social e Relações públicas. Pós-graduada em Marketing pela PUC-RJ. Possui grande experiência em Gestão Empresarial e Gestão de Recursos Humanos

12h20 – Almoço

13h50 – Ferramentas para enfrentar a crise corporativa

Por que e como elaborar um plano de contingência.
Manual de crise para cada perfil de negócio.
O papel das agências de gestão de crise como aliadas da área de comunicação do dia a dia.
Júnia Nogueira de Sá
Diretora executiva da FleishmanHillard Brasil, empresa do Grupo In Press, maior grupo de comunicação e PR do setor privado no país. Trabalhou nos principais veículos brasileiros, como Folha de S. Paulo (repórter especial e ombudsman), Agência Folha (diretora), Folha da Tarde (editora responsável), Veja (editora executiva) e Exame (editora executiva). Ingressou na área de Comunicação Corporativa como diretora de Relações Institucionais do Grupo Abril, foi diretora de Comunicação Corporativa do Grupo Telefônica no Brasil em sua implantação no país, e diretora de Assuntos Corporativos e Imprensa da Volkswagen do Brasil, atuando como membro do Conselho Executivo, porta-voz da empresa e conselheira da Fundação Volkswagen. Implantou e exerceu a coordenação de comunicação e imprensa do Governo de São Paulo. Esteve à frente da comunicação da FIESP até aceitar o convite para dirigir a operação brasileira da FleishmanHillard, maior e mais completa agência de comunicação do mercado americano e uma das 3 maiores do mundo, com mais de 85 escritórios em 31 países. No Brasil, a FleishmanHillard atua em comunicação estratégica, gerenciamento de reputação, public affairs e gerenciamento de crises.

15h10 – A importância do diálogo entre as áreas jurídica e de comunicação na crise

O alinhamento dos discursos para que os argumentos da defesa e os pontos de fala à mídia estejam em sintonia.
Consolidação da imagem que se deseja passar ou proteger.
O papel do advogado como porta-voz da empresa atingida.
Cristiano Zanin Martins
Sócio de Teixeira & Martins Advogados. Graduado e especialista em Direito Processual Civil pela PUC-SP.

16h30 – Coffee break

16h50 – A administração de crises com dimensões políticas

A cadência diferenciada às gestões de crise impostas pelo xadrez da política.
Como a gestão de crises com dimensões políticas difere de situações em que os acidentes ou incidentes são mais tangíveis. O real opositor nem sempre é o que se coloca e se enxerga como tal.
A importância de olhar sobre o tabuleiro mais do que sobre as peças individuais.
Iris Campos
Sócia de IW Comunicação. Jornalista e PhD em Ciência Política pela USP, Mestre em integração latino-americana pelo PROLAM-USP. Graduação em economia pelo Mackenzie. Atua na área de comunicação estratégica no âmbito dos partidos políticos e de corporações e entidades, elaboração e análise de pesquisas e demais ferramentas de marketing político; expertise na condução da área de comunicação/mídia de campanhas políticas e consolidada experiência no gerenciamento de crise, da ótica dos processos de comunicação, bem como no gerenciamento (pesquisa, identificação, avaliação e processamento) de informações na área da Economia (enfoques macroeconômico e setorial) e da Política, com produção e edição de documentos, papers, relatórios especiais, balanços, newsletters e revistas.

18h00 – Encerramento

Adicionar ao Calendário do Google

Local

SÃo Paulo / SP

Desejo contactar a empresa responsável sobre este evento



Outros eventos